Confusão

Flamengo volta atrás e perde quase 20% de público

Time carioca viveu dias intensos de idas e vindas nas decisões

Flamengo volta atrás e perde quase 20% de público
Após confusão, Flamengo viu audiência cair na internet - Foto: Divulgação

Publicado em 05/07/2020 às 18:39:30 ,
atualizado em 05/07/2020 às 19:39:42

Por: Daniel César

O Flamengo viu seu público recuar em quase 20% na transmissão da partida contra o Volta Redonda neste domingo (05). Minutos antes do jogo começar, a diretoria do clube liberou a exibição gratuita no canal do clube no Youtube após ter informado que só poderia assistir o encontro quem pagasse.

O cotejo teve sua exibição liberada perto do início, às 16h e a justificativa oficial era de que milhares de torcedores estavam reclamando de não conseguir acessar a plataforma Mycujoo, que havia adquirido os direitos de transmissão via streaming. A confusão acabou afastando parte da torcida que havia feito o jogo anterior bater recordes.

Se na quarta-feira (1º), a vitória do Flamengo por 2 a 0 contra o Boa Vista tinha quebrado todos os recordes de uma transmissão ao vivo pela internet no Brasil e garantido pico de 2,2 milhões de espectadores simultaneamente, dessa vez os números foram menores.

O maior número de pessoas online acompanhando Flamengo e Volta Rodada neste domingo pelo canal da FlaTV no Youtube foi de pouco mais de 1,8 milhão. O número é praticamente 20% menor que o obtido no meio de semana e pode ser reflexo da decisão em cima da hora para liberar de graça. O NaTelinha acompanhou o pré-jogo pelo Mycujoo e, 20 minutos antes do início da partida haviam 40 mil pessoas acompanhando a transmissão, o que significa dizer que já havia sido arrecado R$ 400 mil.

Flamengo

A confusão entre Flamengo e a torcida começou pouco depois da lua de mel da quarta-feira, quando os torcedores abraçaram a briga do time carioca contra a Globo e foram em peso assistir ao confronto pela internet. Além de acompanhar a vitória, houve doações que beiraram os R$ 900 mil.

Na sexta-feira (03), a cúpula flamenguista anunciou parceria com o Mycujoo, aplicativo de streaming português e que transmitira a partida de domingo ao vivo. Somente quem pagasse a fatura de R$ 10,00 poderia assistir, exceção ao sócio-torcedor que já teria direito. A reação foi imediata e o torcedor ficou revoltado com a cobrança, com direito até a protesto contra o presidente do time, Rodolfo Landin.

Até o momento, o Flamengo não se pronunciou oficialmente sobre torcedores que pagaram pelo aplicativo antes da liberação gratuita da transmissão.

TAGS:





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!