Denúncia

Repórter da Globo em Pernambuco diz que foi agredido covardemente: "Aonde isso vai parar?"

Denúncia foi feita nas redes sociais sem maiores detalhes

Repórter da Globo em Pernambuco diz que foi agredido covardemente:
Repórter da Globo no Pernambuco denunciou ter sofrido agressões - Foto: Divulgação

Publicado em 04/06/2020 às 15:54:45 ,
atualizado em 04/06/2020 às 16:19:52

Por: Redação NT

O repórter Danilo César, que trabalha na Globo de Pernambuco, denunciou em suas redes sociais nesta quinta-feira (04) que teria sido vítima de agressões físicas durante o momento em que estava trabalhando. Ele não deu detalhes do que teria ocorrido.

Em seu perfil no Instagram, o repórter postou duas fotos de sua formatura como jornalista, sendo uma sozinho e outra com a turma e escreveu um longo texto para dividir com seus seguidores o ocorrido. “Meu sonho sempre foi ser jornalista. Sou apaixonado em contar histórias, ouvir as pessoas. Ser a voz do povo. Trabalhar com o que se ama é incrível” iniciou.

A partir daí, Danilo contou sobre a agressão. “Mas, infelizmente, estamos vivendo momentos difíceis. É lamentável. Hoje fui agredido fisicamente, covardemente, enquanto trabalhava”, comentou ele sem entrar em detalhes sobre como teria sido a agressão e quem teria praticado o ato.

“Assim como eu, outros colegas da imprensa se tornaram vítimas desse ódio multiplicado. Institucionalizado. Aonde isso parar? É triste ver isso. É triste viver isso. Mas não vou desistir”, desabafou o repórter da Globo. Em seu texto, no entanto, Danilo César não contou se registrou Boletim de Ocorrência e qual foi o posicionamento da emissora sobre o assunto.

O NaTelinha tentou contato com Danilo, que não respondeu até a publicação da reportagem. Procurada, a assessoria da Globo em Pernambuco afirmou que está averiguando a situação e em seguida soltará uma nota sobre o assunto.

Repórter agredido

Esta não foi a primeira vez que um repórter foi agredido nos últimos tempos. A equipe de reportagem de uma afiliada da Globo em Minas Gerais também denunciou uma agressão no mês passado.

Durante uma manifestação em favor do presidente Jair Bolsonaro, uma repórter da Band também foi agredida e chegou a registrar Boletim de Ocorrência.

publicidade




LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!