Sincero

Dony De Nuccio desabafa sobre saída da Globo: "Vida transformada em um inferno"

Jornalista explicou que exposição da sua vida o prejudicou

Dony De Nuccio desabafa sobre saída da Globo:
Dony De Nuccio falou sobre saída da Globo - Foto: Reprodução/Youtube

Publicado em 28/01/2020 às 13:39:00 ,
atualizado em 28/01/2020 às 13:50:52

Por: Redação NT

Antigo âncora do Jornal Hoje, Dony De Nuccio deixou a Globo de maneira polêmica no ano passado e garantiu que sua trajetória no jornalismo acabou. Em entrevista ao programa Pânico, da rádio Jovem Pan, nesta terça-feira (28), o jornalista abriu o jogo sobre sua saída da emissora, seu comportamento fora da televisão e o convite para trabalhar no SBT.

Os integrantes da atração focaram no começo sobre a mudança de Dony sobre a internet. Ele explicou que hoje se sente mais livre para compartilhar fotos e dialogar com seus seguidores, algo que não fazia no período que estava empregado no canal da família Marinho.

“Eu tinha uma postura em rede social e fora dela muito mais restrita que uma pessoa tem normalmente. Eu saia com a minha namorada em um restaurante e não podia cheirar [o vinho], porque alguém poderia tirar foto, me ver dirigindo e falar que eu bebi”, contou.

“É muito fácil manipular informações, então eu vivia uma vida mais reclusa, me privando de eventos sociais, claro que não poderia falar de ideologia política. Fiz um perfil pro cachorro e pediram pra eu fechar. Mas acho OK, compreensível e não critico”, acrescentou.

Ele admite que hoje vive um período melhor do que quando trabalhava na Globo. “Se você descobrir quem hackeou [as informações vazadas para a imprensa], me avisa pra eu ter o prazer de enviar um vinho, porque minha vida em 2020 tá muito melhor do que eu estaria lá”, brincou com os integrantes do programa.

Dony De Nuccio e sua saída da Globo

Sobre sua saída da Globo, ele contou os detalhes. O jornalista explicou que seu e-mail foi invadido e sua vida foi exposta, o que fez ele sentir que não tinha mais clima para continuar na emissora.

“Em oito anos de TV Globo, fiz de tudo: fui repórter, apresentei programa, fui editor de economia, comentarista, trabalhei em TV local, TV aberta, TV fechada, tudo. Em 2019, apresentei Jornal Nacional, Fantástico, o Jornal Hoje e conquistei meus sonhos na comunicação antes do que imaginava e, nesse sentido, falei com amigos próximos qual seria o meu próximo desafio, porque eu estava perto do teto. Já tinha experimentado de tudo lá. Esse é o contexto geral”, começou.

“No específico, eu tive minha vida hackeada, invadida e exposta. Acho que não tem cargo, emissora ou salário que justifique ter sua vida transformada em um inferno”, continuou.

“Eu entendo a emissora. Não sei como seria se eu continuasse lá, mas eu não queria ficar naquela sangria desatada. Não precisava disso. Naquela pegada, não valeria continuar. Não fiz nada de errado, não fiz um único suspiro que não tenha sido por motivo jornalístico ou que tenha sido para emissora que eu trabalhava. Eu coloquei na balança e avaliei. Saí e dei um final de ciclo no jornalismo. Fui pra novos desafios”, ressaltou Dony.

Dony no SBT?

Dony De Nuccio agora tem feito trabalhos em outras áreas, mas admite que foi procurado por outros canais, incluindo o SBT. O jornalista deixou claro que não quer mais trabalhar com jornalismo e sua intenção é migrar para outros setores da TV.

“Sou um eterno apaixonado por televisão e eu nunca pensei em sair em definitivo da TV. A internet é meio que um complemento e acho que isso é um dos principais motivos da minha liberdade é de poder trabalhar em várias frentes, na TV e na internet. E as outras emissoras são mais abertas e entendem a importância das redes sociais, dando livre iniciativa e estimula para que você faça outros projetos. Conversei com várias [emissoras], conversei com o SBT também”, concluiu.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!