Reportar erro
Luanda Leeks

Repórter é perseguido durante transmissão ao vivo

Canais portugueses cobrem caso conhecido como Luanda Leeks

Homem reclama com repórter da CMTV
Perseguição foi exibida ao vivo pelo canal CMTV, de Portugal - Reprodução
Eduardo Rangel

Publicado em 27/01/2020 às 11:43:53

As emissoras portuguesas estão cobrindo com afinco o caso conhecido como Luanda Leeks, que tenta descobrir os casos de corrupção de Isabel dos Santos, filha mais velha do ex-presidente de Angola, José Eduardo dos Santos. Ela, juntamente com o marido, Sindika Dokolo, são investigados por sonegação de impostos, caixa 2 e desvio de milhões de reais de empresas estatais.

Isabel é considerada a mulher mais rica da África, com uma fortuna estimada em 12 bilhões de reais, e teria construído um império baseado em corrupção, tendo como fonte principal a petrolífera estatal angolana Sonangol. Além dela, empresas de telecomunicações seriam utilizadas, como a principal emissora do país, a ZAP, que também está sob investigação.

Como existem muitos angolanos vivendo em Portugal, as emissoras locais dedicam muito tempo de sua programação para fazer a cobertura do caso. A CMTV descobriu que o ex-presidente do país africano estava numa casa em Barcelona, na Espanha, e decidiu colocar uma equipe de reportagem na porta do lugar.

Durante uma transmissão ao vivo de lá, um homem que não quis se identificar saiu da casa e foi em direção ao repórter, perguntando o que estava fazendo ali e porque estava sendo filmado. "Você que se colocou na frente da câmera", retrucou o jornalista, que completou: "Estou em um espaço público e posso ficar aqui".

A pessoa não se convenceu e repetiu várias vezes a pergunta de por que estava sendo gravado, até que decidiu chamar a polícia. Para evitar ainda mais confusão, o repórter e o cinegrafista da CMTV saíram da frente da residência e seguiram andando pela rua, sendo perseguidos pelo homem.

O link seguiu por cerca de seis minutos com a perseguição, até que a imagem voltou ao estúdio.

Confira a cena, com vídeo cedido pela CMTV ao NaTelinha: 

TAGS:
Mais Notícias