Reportar erro
Fenômeno

Com goleada do Flamengo, Globo tem melhor Ibope do século na Libertadores

Classificação de time carioca rendeu altos índices para a emissora

Gabigol do Flamengo
Gabigol comemorando gol do Flamengo - Foto: Reprodução/Globo
Naian Lucas

Publicado em 24/10/2019 às 13:50:00

O Flamengo precisava eliminar o Grêmio para chegar à grande decisão da Taça Libertadores da América, algo que o clube carioca não conseguia desde 1981. Com tamanha expectativa criada, a Globo bateu recorde de audiência no Rio de Janeiro e também em São Paulo na noite da última quarta-feira (23).

De acordo com dados consolidados da Kantar Ibope na Grande Rio, a semifinal entre as duas equipes brasileiras marcou 52 pontos com picos de 55, conseguindo uma participação de 70%.

Para se ter uma noção do quanto isso representa, a vitória do Flamengo por 5 a 0 contra o Grêmio deu à Globo a maior audiência no século XXI num jogo de Taça Libertadores da América na cidade carioca.

A transmissão da emissora da família Marinho contou com a narração de Galvão Bueno, que foi poupado dos últimos dois amistosos da seleção brasileira para se recuperar de uma gripe. No primeiro jogo da semifinal, o narrador estava gripado e se desculpou pela sua voz na hora que gritou os gols.

A partida ainda teve Caio Ribeiro e Junior como comentaristas e Paulo César de Oliveira na Central do Apito.

Flamengo e Grêmio em SP

O jogo foi exibido para todo o país e milhões de telespectadores da Grande São Paulo também sintonizaram na Globo para acompanhar a decisão.

Segundo os dados consolidados, Flamengo e Grêmio marcaram 32 pontos, batendo o recorde do torneio na região em 2019, inclusive dos jogos envolvendo os times da capital, como São Paulo e Palmeiras.

Rival do Flamengo na final bateu recorde na TV paga

Com goleada do Flamengo, Globo tem melhor Ibope do século na Libertadores

A partida de volta da semifinal da Taça Libertadores da América entre Boca Juniors e River Plate colocou o SporTV na segunda posição no ranking do Ibope superando emissoras de TV aberta como Record e SBT. A classificação do River para a final do torneio continental garantiu 93% da audiência de todos os canais esportivos.

Dados da Kantar Ibope indicaram que o SporTV, que teve exclusividade na transmissão, atingiu média de 12,2 pontos durante o horário em que a bola rolou. A vitória de 1 a 0 do Boca só ficou atrás da Globo na faixa horário. Neste período, a emissora carioca exibia A Dona do Pedaço e a série Segunda Chamada.

A grande final da Libertadores entre River Plate e Flamengo está marcada para o dia 23 de novembro, em jogo único, na cidade de Santiago, no Chile. O formato é o mesmo da Champions League, maior competição interclubes da Europa.

Mais Notícias