Saulo Gomes

Morre jornalista responsável por anunciar ao vivo o fim da TV Tupi

Saulo Gomes tinha 91 anos e morreu em Ribeirão Preto (SP)

Morre jornalista responsável por anunciar ao vivo o fim da TV Tupi
Natural do Rio, Saulo Gomes morava em Ribeirão Preto

Publicado em 23/10/2019 às 15:39:04 ,
atualizado em 23/10/2019 às 17:13:54

Por: Redação NT

Morreu na madrugada desta quarta-feira (23), aos 91 anos, o jornalista e escritor Saulo Gomes. Ele era considerado um dos pioneiros da televisão brasileira, sendo o responsável por anunciar no ar o fim da TV Tupi.

Natural do Rio de Janeiro, Saulo morava em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, quando teve um infarto. O enterro está marcado para às 10h de quinta-feira (24), na mesma cidade.

O jornalista iniciou sua carreira em 1956, quando passou em primeiro lugar entre 200 jovens que tentavam uma vaga como repórter na Rádio Continental.

Saulo Gomes é história

Se destacou por vários trabalhos, tendo como pontos altos duas entrevistas que realizou com o médium Chico Xavier, em 1968 e em 1971, este no programa Pinga Fogo, da TV Tupi.

Sobre a primeira emissora de televisão do país, coube a Saulo Gomes a dura missão de anunciar ao vivo, no dia 02 de maio de 1980, que a central paulista deixava de gerar suas imagens.

Em grave crise financeira e administrativa, a rede seguiu no ar até o dia 18 de julho, quando saiu definitivamente do ar após uma missa do Papa João Paulo II e de uma mensagem clamando ao presidente João Figueiredo para que não cassasse as suas concessões. Em vão. 

Ao longo de sua carreira, Saulo andou o Brasil e trabalhou como diretor de jornalismo da TV Rio Preto, em São José do Rio Preto (SP), da rádio A Voz do Oeste e TV Brasil Oeste, em Cuiabá (MT) e da Rádio Capital, em São Paulo.

O jornalista era membro da Ordem dos Velhos Jornalistas desde 2003 e ocupava há 15 anos uma cadeira na Academia Ribeirão-pretana de Letras, tendo cinco livros publicados.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!