Exclusivo

Bem antes de entrar no ar, CNN Brasil já supera concorrentes nas redes sociais

Emissora superou outros veículos de comunicação na web

Bem antes de entrar no ar, CNN Brasil já supera concorrentes nas redes sociais
Sede da CNN Brasil será na Avenida Paulista, em prédio que passa por modernização

Publicado em 16/10/2019 às 16:52:34 ,
atualizado em 16/10/2019 às 16:57:05

Por: Naian Lucas com Fabrício Falcheti

A CNN Brasil ainda nem estreou, mas já vem movimentando as redes sociais a ponto de ultrapassar uma série de outros veículos em números de seguidores. Com contratações de peso, o canal jornalístico tem gerado expectativa para o seu lançamento e em relação ao conteúdo, como parte da maior marca de mídia de informação do mundo.

Levantamento obtido pelo NaTelinha mostra a força que CNN Brasil vem obtendo em seus perfis do Instagram, Facebook e Twitter, aproximando-se de um milhão de pessoas, número considerado alto para o canal que nem sequer produz ainda notícias factuais.

Para se ter uma noção, a CNN Brasil já deixou para trás nas redes concorrentes como IstoÉ Dinheiro, Jovem Pan News, revista Crusoé, Correio Braziliense, Yahoo Brasil, MSN Brasil, The Intercept, Vice Brasil, HuffPost Brasil, Brasil 247 e IG, entre outros.

Confira o levantamento:

 

CNN Brasil e sua formatação

A notícia da entrada da CNN no Brasil pegou o mercado de surpresa em janeiro, quando Douglas Tavolaro deixou a Record e foi anunciado como CEO do canal, enquanto Rubens Menin recebeu a nomeação de presidente do Conselho de Administração.

De lá para cá, a emissora vem focando em sua estruturação e contratou diversos profissionais de peso, como William Waack, Evaristo Costa, Monalisa Perrone e Reinaldo Gottino.

As contratações não estão sendo feitas apenas pela carreira do profissional. A direção da emissora realizou uma pesquisa para compreender quais os anseios dos telespectadores em relação ao conteúdo da CNN Brasil e, através dos resultados, tem buscado os nomes no mercado para formatar sua programação.

A CNN Brasil estava com previsão de lançamento para o mês de novembro, contudo, agora a intenção é estrear em março de 2020, após o Carnaval.

A direção da emissora tem buscado criar uma variedade na sua programação a fim de atender todo tipo de público. Vale lembrar que a instalação da emissora no país foi o maior movimento das últimas décadas no jornalismo televisivo brasileiro. Sua sede em São Paulo será na Avenida Paulista, a dois quarteirões do Masp e onde abrigou o antigo Banco Real. Além disso, contará também com escritórios no Rio de Janeiro e em Brasília.


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!