Reportar erro
Cortes

Demitida do SBT, Karyn Bravo se despede: "Deus nos reserva o melhor"

Jornalista foi dispensada com o fim do "SBT Notícias"

 Demitida do SBT, Karyn Bravo se despede: "Deus nos reserva o melhor"
Reprodução

Fabrício Falcheti

Publicado em 14/06/2019 às 12:49:44

Demitida do SBT nessa quinta-feira (13), com o cancelamento do "SBT Notícias", a jornalista Karyn Bravo se despediu da emissora nas redes sociais.

Ela, que se revezava na apresentação do telejornal das madrugadas, agradeceu a todos que passaram pelo seu caminho em quase 12 anos de casa.

"Um ciclo de quase 12 anos se encerra. Gostaria de agradecer a todos que fizeram parte desse caminho no SBT! Obrigada pelas oportunidades, lutas diárias, ensinamentos, companheirismo e dedicação nesse mundo do jornalismo. Tenho certeza que Deus sempre nos reserva o melhor!", disse.

"A minha trajetória profissional foi trilhada com responsabilidade, dedicação, seriedade e integridade. Ganhei conhecimento, prestígio, respeito, amigos e irmãos de alma nessa redação.... E isso, ninguém me tira! Então, que venham os próximos capítulos dessa história linda construída com carinho, verdade e amor. Um beijo enorme - já com saudade", completou.

Fim do SBT Notícias

O SBT confirmou o cancelamento do "SBT Notícias" em comunicado enviado à imprensa nesta sexta (14), após tomar a decisão ontem. Além de Karyn Bravo, Analice Nicolau também deixa a emissora, onde estava desde 2002, começando como participante da "Casa dos Artistas". Ela ainda não se manifestou na web. Já Cassius Zeilmann, outro que apresentava o noticiário, será aproveitado como repórter.

A partir da próxima segunda (17), o "Primeiro Impacto" começará às 04h, seguindo até 10h, com apresentação de Dudu Camargo e Marcão do Povo. No espaço entre o "Operação Mesquita" e o jornal ao vivo, a emissora reprisará a edição anterior do "SBT Brasil". Já aos domingos, o "Jornal da Semana" voltará a ser exibido, a partir das 06h.

"O time do 'SBT Notícias' merece dos colegas respeito e aplauso", disse o SBT em nota.

Tensão

Com a movimentação no departamento de jornalismo, o clima entre os funcionários é de incerteza e tensão, conforme noticiado pelo NaTelinha.

Segundo apurado, nos corredores da Anhanguera não se fala de outro assunto que não a possibilidade de haver uma onda de demissões no setor. O objetivo seria enxugar a folha de pagamento em meio à crise econômica que o país atravessa em 2019.

Nesse sentido, outros apresentadores do jornalismo devem ser chamados para readequação de seus salários, um movimento já iniciado pela Globo.

Mais Notícias