Reportar erro
Desempenho

SBT comemora crescimento em maio e 26º mês na vice

No horário nobre, emissora de Silvio Santos bateu Record 28 vezes no mês passado

sbtsp_55b679f421a8e93130a4e36450951d89d19698aa.jpeg
Fachada do SBT, em Osasco (SP) - Reprodução/Google Street View
Redação NT

Publicado em 04/06/2019 às 07:00:00

O SBT comemora o 26º mês consecutivo na vice-liderança na Grande São Paulo. Em maio, a emissora fechou as 24 horas com média de 6,6 pontos. A Globo liderou com 12,4, Record ficou em terceiro, com 5,2, e a Band deu 1,6.

A rede de Silvio Santos também foi a única TV que aumentou a audiência, comparado ao mesmo período de 2018, quando marcou 6,4, o que concede um crescimento de 3%. 

Confrontado maio de 2018 com maio de 2019, Globo, Record e Band caíram na média mensal de 24 horas. A maior queda foi da emissora de Edir Macedo: de 5,8 para 5,2, um recuo de 10%. A Globo perdeu 9% de audiência, caindo de 13,6 para 12,4. Por fim, a Band perdeu 8% - 1,7 ano passado e 1,6 este ano.

A rede também celebra o bom desempenho em três grandes faixas horárias destacadas pelo mercado publicitário: a média manhã (6h às 12h), madrugada (0h-6h) e horário nobre (18h às 0h). Nesta última, o acumulado de maio de 2019 foi de 9,3 pontos, ante 8,5 da Record. Dos 31 dias de maio, o SBT foi vice na faixa nobre em 28 deles. Contribuíram para este desempenho o sucesso de "As Aventuras de Poliana" e o fracasso de "Jezabel" na concorrente.

Com grande vantagem sobre a Record, visto que esta exibe programação religiosa, as madrugadas da TV de Silvio Santos fecharam maio com 4,8 de média, ante 1,4 da emissora de Edir Macedo. O resultado também se aproxima do desempenho da Globo, que registrou 5,7.

Por fim, o período matutino, reforçado com o "Primeiro Impacto" com longa duração, teve média de 5,3 pontos, contra 3,7 da Record. 

Os dados são da Kantar Ibope. Cada ponto representa um universo de 7.185,5 domicílios e 20.106,1 indivíduos.

Mais Notícias