Mudanças

Band cancela "Superpoderosas" e abre espaço para a chegada da Disney

Em negociações avançadas com o grupo americano, emissora exibirá desenhos como teste a partir de segunda


Natália Leite e Ana Paula Padrão
"Superpoderosas" não emplacou e chega ao fim após pouco mais de seis meses

A Band anunciou no final da manhã desta quinta-feira (1º), o fim do programa "Superpoderosas", para a entrada de desenhos animados em sua programação.

Inicialmente, serão exibidas produções da Nickelodeon, mas o espaço será aberto para a chegada da Disney, que está em negociações avançadas com a emissora, conforme antecipado pelo NaTelinha no início de setembro.

Projeto de Ana Paula Padrão com Natália Leite voltado para o autoconhecimento, empoderamento e empreendedorismo da mulher, o "Superpoderosas" estreou em abril na nova programação da casa, mas fracassou na audiência, beirando o traço.

Toda sua equipe foi demitida, bem como do "Cozinha do Bork", que por sua vez seguirá no ar com reprises.  Os apresentadores Natália Leite e Daniel Bork também foram dispensados - informação confirmada pela Band à reportagem.

A mudança que gerou mais surpresa foi a saída do Chef, cunhado do presidente do Grupo Bandeirantes, Jhonny Saad, que estava no ar há 17 anos e era considerado protegido por ser irmão da esposa do executivo, Claudia.

Band cancela \"Superpoderosas\" e abre espaço para a chegada da Disney

Em sua nota, a rede credita a mudança à proximidade do fim do ano e do início das férias escolares. "A partir da próxima segunda-feira (5), no horário antes ocupado pelo 'Superpoderosas', a Band passa a dedicar espaço aos desenhos animados, aumentando a oferta de conteúdo destinado às crianças. A faixa de desenhos será exibida de segunda a sexta-feira, das 9h50 às 11h", informa a nota.

Segundo apurado pelo NaTelinha, essa nova faixa começará como um teste e esquentando horário para as produções da Disney que, se o contrato for assinado, chegará no mesmo esquema que fazia no SBT até agosto, quando o acordo chegou ao fim e não foi renovado.

As negociações acontecem há meses, inclusive com idas de executivos à Argentina, onde o grupo americano possui uma sede. A RedeTV! também estava na jogada, bem como uma possível retomada de conversa com o canal de Silvio Santos.

No leilão de vantagens que se tornou a disputa pela Disney, a Band ofereceu faixas no período matutino, vespertino e seu grande trunfo: no horário nobre, que foi tão cobiçado na antiga parceria com o SBT.

Band cancela \"Superpoderosas\" e abre espaço para a chegada da Disney

Na costura do acordo com a emissora dos Saad e o grupo americano, existiria também a possibilidade de parcerias de produções, como aconteceu recentemente com "Z4".

Para a Disney, ter sua presença na TV aberta brasileira seria uma estratégia de disseminar seu conteúdo para diversas plataformas no país, fortalecendo sua marca.

No Brasil, o conglomerado de mídia e seus produtos estão presentes, principalmente, em rádios, internet e TV paga. Com a antiga parceria com o SBT, os estúdios Disney detinham um espaço diário em um canal de televisão aberta que penetrava 95% dos lares brasileiros.

Outra vantagem: todas as inserções comerciais que eram exibidas durante o bloco "Mundo Disney" eram vendidos no mercado publicitário pela empresa do Mickey com um leque de opções de plataformas ou todas juntas.

Mais Notícias