Em alta

"Domingo Legal" tira segundo lugar do "Domingo Show" após dois anos

"Domingo Legal" vem apostando em games

Celso Portiolli no Passa ou Repassa
Divulgação/SBT

Publicado em 01/11/2018 às 10:08:45

Por: Sandro Nascimento

No mês de outubro, o "Domingo Legal", apresentado por Celso Portiolli no SBT, fechou sua média de audiência à frente do "Domingo Show" da Record TV, pela primeira vez após dois anos.

De acordo com dados da Kantar Ibope, a atração do canal de Silvio Santos atingiu 8,0 pontos contra 7,7 do concorrente na Grande São Paulo, garantindo assim o segundo lugar na audiência.

No PNT (Painel Nacional de Televisão), que é a média de desempenho em 15 regiões metropolitanas no país, houve um empate técnico, com uma mínima vantagem ao dominical de Portioli: 7,2 a 7,1 de média.

A última vez que o "Domingo Legal" fechou sua média mês acima do "Domingo Show" foi em agosto de 2016, quando marcou 7,0 pontos contra 6,5 da Record TV em São Paulo e 6,9 a 5,8 no PNT, segundo levantamento feito pelo NaTelinha.

Desde o início deste ano, o "Domingo Legal" passou apostar em atrações de entretenimento e a diminuir o espaço para atrações assistencialistas, que é o principal mote de Geraldo Luís.

Em março, Celso Portioli trouxe de volta o icônico quadro "Passa ou Repassa" e exibe atualmente a terceira temporada do "Comprar é Bom, Levar é Melhor", game show de perguntas e respostas que valem prêmios; "De quem é essa mansão?", com os humoristas Pedro Manso e Marlei Cevada; e ainda "Construindo um Sonho" e "Esta é sua Vida".

O resultado da estratégia é demonstrado pelos números. O "Domingo Legal" cresceu 18% de audiência entre janeiro a outubro deste ano, em comparação ao mesmo período de 2017 na Grande São Paulo. Em outubro, o programa atingiu 8 pontos na capital paulista, uma média que não era vista há pelo menos dois anos e 31% superior a 2017.

Além disso, o programa se tornou um sucesso comercial na grade dominical do SBT. A cada semana são apresentados em torno de oito ações de merchandising e dois grande patrocinadores.

Domingo Show

Desde o começo de 2018, o "Domingo Show" perdeu metade da sua duração, teve redução de funcionários e deixou de ser produzido no formato de auditório. Nos corredores da Record TV, os cortes são justificados como uma tentativa de viabilizar o programa economicamente, já que vinha deficitário. O conteúdo assistencialista exibido no programa estaria afugentando patrocinadores.

Mas como o "Domingo Show" é uma peça importante na estratégia de programação do canal, o programa foi mantido no ar com cortes orçamentários.

No PNT, comparando os 10 primeiros meses de 2017 com o mesmo período de 2018, o programa perdeu 12% de audiência.



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!