Ladra

Êta Mundo Bom: Sandra rouba cofre de Anastácia e é pega no flagra

"Titia" surpreende a vilã furtando dinheiro em seu quarto

Êta Mundo Bom: Sandra rouba cofre de Anastácia e é pega no flagra
Em Êta Mundo Bom, Sandra tenta se apoderar do dinheiro de Anastácia, mas acaba se dando mal - Fotos: Reprodução/Globo

Publicado em 13/07/2020 às 08:01:00 ,
atualizado em 13/07/2020 às 20:47:55

Por: Walter Felix

Em Êta Mundo Bom, Sandra (Flávia Alessandra) será pega no flagra por Anastácia (Eliane Giardini) ao tentar roubar o cofre da tia. A vilã estará em busca de dinheiro para que Ernesto (Eriberto Leão) pague o capanga contratado para matar Candinho (Sérgio Guizé) no dia de seu casamento com a loira.

Nos próximos capítulos de Êta Mundo Bom, Sandra se certifica de que a tia está atribulada no escritório com Araújo (Flávio Tolezani) para colocar o plano em prática. Ela vai até o quarto de Anastácia, tira um quadro da parede e abre o cofre, onde encontra um pacote com uma verdadeira fortuna guardada.

A megera fica com parte da grana e devolve o polpudo envelope para dentro do cofre, para que a tia não perceba o roubo. “Metade!”, crava a loira, segundos antes de ouvir a entrada da mãe de Candinho no aposento. “Sandra, o que você tá fazendo aqui no meu quarto?”, indaga Anastácia, surpresa.

Rapidamente, Sandra coloca as mãos para trás, impedindo que a tia a veja em posse do bolo de dinheiro. Ela é obrigada a improvisar uma história para justificar sua presença no quarto. “Estou surpresa de vê-la aqui. Por que não responde? O que você veio fazer aqui?”, insiste Anastácia.

Em Êta Mundo Bom, Sandra esconde dinheiro em jarro de flor

Para sair ilesa de mais uma armação, Sandra começa a divagar uma desculpa enquanto coloca, disfarçadamente, o malote dentro de um vaso de flores. “Titia… Eu vim até aqui… Para…”, inicia a golpista, que começa a gerar ainda mais desconfiança na milionária. “De fato, eu… Queria lhe pedir um favor!”, afirma a malvada.

“De que se trata, Sandra?”, questiona Anastácia, já impaciente com a enrolação da moça. “Eu queria pegar a sua caixa de jóias para escolher uma para o meu casamento. Emprestada, é claro!”, diz Sandra, para o espanto da tia. “Sandra, mas você já tem joias suficientes, não?”, atenta a mãe de Candinho. “Sim, mas seria uma forma simbólica de ter a senhora perto de mim, de alguma maneira, durante o casamento”, conclui a irmã de Celso (Rainer Cadete). Ingênua, a ricaça acredita na mentira e se comove com o gesto.

Contudo, Anastácia questiona por que a sobrinha estava próxima ao cofre se sabe que as joias ficam guardadas perto da cama. Contra a parede, Sandra inventa que gostou do jarro de flores colocado próximo ao cofre e aproveita para tentar levar o utensílio em que guardou o dinheiro. “Penso em refazer a decoração dos meus aposentos com o Candinho. E eu acho que o seu filho vai adorar esse vaso antigo. O meu quarto é muito feminino”, justifica a trapaceira.

Para sua agonia, Anastácia pega o vaso de suas mãos e se nega a presentear a sobrinha. “Não vai me dar o jarro? Titia, a senhora nunca me recusou nada”, questiona Sandra. “Pois é, só que esse jarro foi da minha avó, é a única lembrança que tenho dela. Pode escolher qualquer outra coisa, Sandra. Não recusarei”, finaliza a empresária.

Mais tarde, a vilã se encontra com Ernesto e é pressionada pelo cafajeste para conseguir o dinheiro para matar Candinho. Ele ameaça revelar toda a armação a Anastácia caso a amante não consiga a grana. Com medo de ser novamente flagrada, ela se recusa a voltar ao quarto da tia para recuperar a quantia escondida no jarro. A dupla terá que encontrar outra forma de tirar dinheiro da milionária. A sequência vai ao ar na próxima quarta-feira, 15 de julho.


Fique por dentro dos próximos capítulos de Êta Mundo Bom e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.

Quer saber mais? Confira o resumo semanal da novela Êta Mundo Bom de 13/07/2020 a 17/07/2020.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!