No fundo do poço

“A Dona do Pedaço”: Régis perde Maria da Paz, fica sem dinheiro e na mira de agiota

Solteira de novo, Maria da Paz esnoba Amadeu em “A Dona do Pedaço”

“A Dona do Pedaço”: Régis perde Maria da Paz, fica sem dinheiro e na mira de agiota
Régis não se conforma em perder Maria da Paz - Reprodução

Publicado em 06/10/2019 às 07:00:00

Por: Taty Bruzzi

Em "A Dona do Pedaço", somente depois que levou um tiro da Maria da Paz (Juliana Paes) é que Régis percebeu o quanto ama a boleira, mas já era tarde demais. Magoada com a traição do marido, a capixaba está decidida a se separar do playboy. 

Nos próximos capítulos, a audiência para a assinatura do divórcio será marcada e ele não terá mais escapatória. A notícia chega pela boca de Amadeu (Marcos Palmeira), que não vê a hora da sua amada se livrar do ex e lhe dar uma chance. Será?

Desolado com a perda, Régis cai em tentação e volta a apostar compulsivamente. O resultado será a perda de muito dinheiro. Sem ter como pagar, o bon vivant se torna alvo de pessoas perigosas.

Confira o que vem por aí em A Dona do Pedaço

Amadeu avisa a Régis sobre audiência e ele se desespera

Nem eu seu pior pesadelo, Régis imaginou que perderia Maria da Paz para sempre. No fundo, o playboy acreditava que um dia a boleira iria perdoá-lo por todas as falcatruas que ele aprontou ao lado da Josiane (Agatha Moreira).

Nos próximos capítulos de “A Dona do Pedaço”, o filho da Gladys (Nathalia Timberg) será procurado por Amadeu que lhe dará a pior notícia da sua vida. O advogado avisa que a audiência de divórcio será marcada em breve e não há mais como recuar. 

“Vim avisar que vou marcar a audiência de divórcio…Vai receber a intimação”, alerta Amadeu com um sorriso dos lábios. “Eu não quero assinar o divórcio. Eu amo a Maria da Paz”, alega Régis, desesperado. 

O pai da Josiane explica que o playboy será obrigado a assinar a separação e que inclui, ainda, a divisão de bens. Em sua defesa, Régis sugere abrir mão da importadora de vinhos, mas o advogado avisa que sua cliente não quer nenhum acordo.  

“Ela não quer. Devia tomar tudo de você, mas não quer. Você fica com a importadora, ela com a confeitaria. Régis, esse divórcio vai sair”, enfatiza o rival que acaba sendo questionado pelo marido da boleira. 

“Tem muito interesse, não é Amadeu? Nunca esqueceu a Maria da Paz”, indaga o playboy e acaba ouvindo o que não queria. “Não é da sua conta. Mas se quer saber, nunca esqueci. Sou o primeiro interessado nesse divórcio”, responde.

A cena vai ao ar dia 9 de outubro

Régis vai afogar as mágoas no cassino, perde e é jurado de morte

Os próximos capítulos de “A Dona do Pedaço” marcam o inferno astral de Régis. Separado da Maria da Paz, o playboy não aguenta de tanta tristeza e acaba indo afogar suas mágoas no cassino. 

Viciado em jogo, ele acaba indo longe demais, aposta muto alto, perde tudo e não tem como quitar a dívida. Pressionado, coloca sua vida em risco, pois no fundo o bon vivant sabe que agiota nenhum perdoa dívida de jogo. 

Na sequência que vai ao ar no capítulo do dia 12 de outubro, um homem estranho aparece ameaçando Régis, que lhe pede calma. “Não tenho como pagar isso agora. Me dá um prazo”, implora o ex da Maria da Paz. 

“Olha aqui, Régis, você foi jogar. Perdeu. Fez vales, que eu dei em confiança. Perdeu, tem que pagar”, avisa. O cara, que atende pelo nome de Mesquita (ator não revelado), assinala que o playboy tem uma loja de vinhos. 

O bandido sugere à Régis que ele venda todo o estoque da importadora e quite a dívida, mas o rapaz se nega a fazer isso. Do contrário, como ele irá sobreviver. “Antes eu tinha minha mãe”, recorda. 

Nesta hora, Mesquita lembra o passado sujo do playboy. “E as joias dela para pegar? Pensa que não sei? Agora está só por conta da loja? Se vira. Vim dar um alerta. Tem que pagar, senão…eu sei como cobrar”, dá o recado. 

Amadeu pede chance a Maria da Paz e leva um fora

Amadeu estava esperando apenas o divórcio da Maria da Paz sair para lhe dá um bote. Na noite em que a boleira finalmente assina a separação de Régis, ela recebe o amigo na casa da Marlene (Suely Franco) e os dois têm uma conversa séria. 

O pai da Jô se insinua para a amada, os dois se aproximam e acabam se beijando. Acreditando que isso seja a retomada do romance do passado, ele a pede em namoro, mas é surpreendido por um balde de água fria.  

“Eu sou um homem livre, Maria da Paz. Você também está livre. Assinou o divórcio. Nada impede da gente ficar junto. De viver o nosso amor”, apela Amadeu enquanto tenta mais uma vez ficar com Maria da Paz. 

A mãe da Josiane diz que os dois precisam ir com calma, pois ela teme a reação de Carlito (João Gabriel D'Aleluia) filho mais novo do advogado. O menino acabou de perder a mãe, vítima de um câncer, e ela não quer confundir ainda mais a cabeça do adolescente. 

“O Carlito é um menino. Ele tem que aceitar…que eu tenho direito a viver minha vida…a ser feliz”, alega Amadeu. “O menino já perdeu a mãe. Eu ia me sentir uma intrusa. Amadeu…eu não posso. Eu vou entrar. Quem sabe nossa hora vai chegar algum dia”, diz a boleira. 

Ansioso, Amadeu questiona quando será o momento, então, para os dois finalmente se acertarem e acaba levando um fora da amada. “Eu não sei dizer, Amadeu. Não sei dizer. Boa noite”, finaliza Maria da Paz. 

A sequência vai ao ar no capítulo do dia 11 de outubro


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!