Crescimento

Com capítulo eletrizante, "A Dona do Pedaço" bate recorde no Rio de Janeiro

História de Chiclete e Vivi Guedes tem chamado atenção do público

Com capítulo eletrizante,
Vivi Guedes e Chiclete vivem uma grande história de amor - Foto: Reprodução/Globo

Publicado em 23/07/2019 às 13:45:49 ,
atualizado em 23/07/2019 às 14:49:38

Por: Naian Lucas

A Dona do Pedaço” bateu novo recorde de audiência no Rio de Janeiro. O melhor desempenho aconteceu no capítulo dessa segunda-feira (22), que deixou em aberto a oportunidade do personagem Chiclete (Sérgio Guizé) assassinar Vivi Guedes (Paolla Oliveira).

De acordo com dados consolidados da Kantar Ibope, a trama escrita por Walcyr Carrasco marcou 39 pontos de média e 54% de participação na cidade carioca.

Isso significa que mais de 1,8 milhão de televisores estavam ligados na Globo na faixa das 21h. Além disso, aproximadamente 4,7 milhões de pessoas assistiram “A Dona do Pedaço” para acompanhar os desdobramentos da história de Maria da Paz (Juliana Paes), Régis (Reynaldo Gianecchini) e Josiane (Agatha Moreira). Cada ponto no Rio de Janeiro representa 46.175 mil televisores ou 119.283 mil telespectadores.

Em São Paulo, a história de Walcyr Carrasco obteve 36,5 de média, mas não conseguiu bater recorde. O melhor desempenho da obra na capital paulista é de 37 pontos, alcançado no dia 03 de junho.

O fim condutor do capítulo de ontem foi a história de Chiclete ao lado de Vivi. Ele descobriu que a amada é o seu alvo e decidiu matá-la para cumprir a ordem do seu patrão. Paralelamente, Maria da Paz buscou um empréstimo para comprar a mansão, mas pessoas próximas a ela tentam fazer com que a empresária não cometa essa loucura.

No final do episódio, Amadeu (Marcos Palmeira) descobriu que Maria da Paz está bem perto de comprar a nova casa. Já Chiclete levou Vivi a um parque, pegou a arma e se preparou para matá-la.

A continuação da história será revelada nesta terça-feira (23).


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!