Perigo

"Topíssima": Dagoberto desconfia de Edison e põe vida em risco

Ele teme que inquilino esteja envolvido em problemas

"Topíssima": Dagoberto desconfiará de Edison.

Publicado em 28/06/2019 às 19:45:52 ,
atualizado em 28/06/2019 às 20:02:07

Por: Daniel César

Dagoberto (Kadu Moliterno) pode colocar sua vida em perigo nos próximos capítulos de "Topíssima", novela da Record. É que o personagem começará a desconfiar do comportamento de Edison (Bruno Guedes) e acredita que o jovem pode estar envolvido com o tráfico.

A desconfiança começará a ser vista no capítulo previsto para ir ao ar já na próxima segunda-feira (1º). Dagoberto achará que o comportamento do inquilino da república "Pingo d'água" e começa a prestar mais atenção no jovem. Isso fará com que ele tire suas próprias conclusões.

Dagoberto chegará a dizer suas desconfianças. "Acho que ele está envolvido com os verdadeiros traficantes", comentará. Isso acontece ainda enquanto Sophia (Camila Rodrigues) continua sendo acusada de trabalhar para o tráfico, tudo por conta de um mau entendido.

Acontece que, dessa vez Dagoberto está certo e isso pode colocar em risco sua própria vida, já que os traficantes não estarão para brincadeira e tentarão de tudo para manter o segredo de suas identidades, inclusive fazendo com que Edison pague as consequências, caso seja descoberto.

A situação do tráfico está deixando praticamente todos os personagens de "Topíssima" em polvorosa. A ponto de Lara (Cristiana Oliveira) ter sido presa tentando defender a filha e, com isso, desacatando o delegado.

As desconfianças de Dagoberto irão crescer ao longo da próxima semana, a ponto dele planejar arrombar uma caixa que chegou na república, já que o local estará vazio porque os estudantes foram viajar.


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!