Lista NT

De novo você por aqui? Relembre 7 personagens revividos em mais de uma produção

Luiza Tomé e Paulo Betti
Atores estão de volta como Scarlet Williams Mackenzi e Ypiranga Pitiguary em "O Sétimo Guardião"

Publicado em 22/11/2018 às 08:45:28

Por: Taty Bruzzi

Esta semana, Paulo Betti estreou em “O Sétimo Guardião” como Ypiranga Pitiguary, que chega à Serro Azul com a responsabilidade de reformar o casarão abandonado e que dá acesso à fonte.

Muitos telespectadores devem ter tido a impressão de já terem escutado este nome ou reconhecido o sotaque, o que é verdade. O personagem criado também por Aguinaldo Silva, autor da atual trama global, surgiu a primeira vez em “A Indomada” (1997), que está sendo reprisada atualmente pelo canal Viva.

Quem também fará participação na atual novela das nove será Luiza Tomé, que irá reviver Scarlet Williams Mackenzi, papel que interpretou na mesma trama ao lado de Paulo Betti.

Assim como acontece com o casal de atores, outros já tiveram pela frente a oportunidade de retornar à TV na pele de personagens memoráveis tanto na telinha quanto na telona. São os chamados crossovers. Listamos sete deles.

Confira!

Clodoaldo Valério (Marcelo Serrado)

Em 2011, Marcelo Serrado arrasou no papel de Crô, fiel escudeiro e capacho da socialite Thereza Cristina (Christiane Torloni) em “Fina Estampa”. Extremamente carismático, fez tanto sucesso com as crianças que a personagem acabou indo parar nos cinemas em “Crô - O Filme”. O longa ganhou sequência este ano, mas “Crô Em Família” já não teve tanta repercussão.

Diva (Neusa Borges)

A primeira vez que a atriz deu vida à fofoqueira Diva foi em “América” (2005), novela escrita por Glória Perez. A atriz voltou a interpretar a personagem em “Salve Jorge”, folhetim escrito pela mesma autora em 2013.

Dona Armênia (Aracy Balabanian)

Em “Rainha da Sucata” (1990), Aracy Balabanian interpretou Dona Armênia, uma comerciante estrangeira que herdava um terreno no qual foi construído um grande complexo comercial. Para se vingar de Maria do Carmo (Regina Duarte), que abandonou seu filho Gerson (Gerson Brenner), ela decide entrar na justiça pelo direito de recuperar o bem, mesmo que para isso tenha que implodir o prédio. A icônica personagem e seus três filhos retornaram à TV em “Deus nos Acuda” (1993).

Jamanta (Cacá Carvalho)

Em 1998, Cacá Carvalho ganhou notoriedade depois de interpretar Jamanta em “Torre de Babel”, personagem ingênuo e com problemas mentais que nutria uma paixão platônica por Sandrinha (Adriana Esteves), uma das vilãs da trama. O sucesso na TV, principalmente com as crianças, fez com que a personagem retornasse em “Belíssima” (2005), desta vez fazendo parceira com Pascoal (Reynaldo Gianecchini).

Mary Montila (Carmen Verônica)

A primeira aparição da personagem foi em “Belíssima” (2005), novela que está sendo reprisada na Globo pelo “Vale a Pena Ver de Novo”. Dois anos depois, ela ressurgia em uma participação especial em “Paraíso Tropical” (2007).

Mocotó (André Marques)

A primeira vez que o Mocotó, personagem vivido por André Marques, surgiu na TV foi na estreia de “Malhação” (1995), permanecendo até a terceira temporada. Depois, o ator reviveu o mesmo papel que marcou sua estreia na Globo na quinta e sexta temporada da novellinha.

Shirley (Karina Barum)

A personagem vivida por Karina Barum em “Torre de Babel” (1998) era uma menina doce e ingênua. Manca de uma perna, ela escondia sua beleza através da timidez. Em 2014, a personagem criada por Silvio de Abreu voltou à telinha, desta vez interpretada por Sabrina Petraglia no remake de “Sassaricando”, intitulado "Haja Coração".



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!