Reportar erro
Band

"MasterChef" repete recorde de pico com direito à liderança em eliminação de Leonardo

masterchef-01082017 (2)_854f39203982cebbeaaabcc2bc77636a59bcde80.jpeg
Fotos: Carlos Reinis/Band
Fabrício Falcheti

Publicado em 02/08/2017 às 14:42:18

O episódio desta terça-feira (1º) do "MasterChef" alcançou pela segunda vez o maior pico da temporada: 9 pontos - a primeira aconteceu em 11 de julho.

De média, o programa marcou 7 e o share foi de 14%. Tais números levaram a Band ao terceiro lugar isolado das 22h43 à 01h09, com direito à liderança por 26 minutos e vice por outros 61.

A competição gastrônica contou com uam prova diferente ontem. Os cinco melhores cozinheiros amadores até aqui se enfrentaram em uma disputa de até 2 horas, com mercado aberto durante todo o tempo para entregar o "prato perfeito" segundo suas próprias escolhas.

Victor Vieira foi eleita o melhor pelos jurados, com seu dumpling recheado com carne de stinco de cordeiro e molho asiático.

\"MasterChef\" repete recorde de pico com direito à liderança em eliminação de Leonardo

Depois, a prova de eliminação foi assustadora para muitos, tendo a rã como ingrediente principal. Deborah, Leonardo, Michele (que chegou a chorar de medo) e Valter encararam três etapas contra o tempo curto e ingredientes limitados.

Michele e Valter foram os primeiros a serem salvos, enquanto Deborah e Leonardo ficaram na berlinda. O desconhecimento do ingrediente e o repertório curto acabaram levando o ribeirão-pretano a deixar a competição.

"Minha principal dificuldade foi aprender a lidar com o ingrediente e criar uma receita em 25 minutos. Quando eu vi que era rã, eu me lembrei de quais eram os parentes mais próximos. Então, escolhi champignon e alho. Foi o caminho que eu segui a princípio, mas não rolou", contou ele em entrevista ao site da Band.

\"MasterChef\" repete recorde de pico com direito à liderança em eliminação de Leonardo

"O meu repertório se estendia a champignon e alho, então eu não tinha mais para onde ir. Na segunda tentativa, peguei tomate, manjericão e salsinha. Saí da França e fui para a Itália. Mas fui pior ainda, na avaliação dos chefs", continuou.

"Na etapa final, o que me atrapalhou foi a Deborah ser melhor, porque meu prato estava bom", disse aos risos. "Saio menos triste por sair com um prato bom e por não ser eliminado com alguma coisa que eu domino. Pelo menos eu fui eliminado por algo que eu não tenho conhecimento", completou.

Sobre sua torcida, deixou para Deborah e Valter.

Esses dados são consolidados e referem-se a um grupo de telespectadores na Grande SP.

TAGS:
Mais Notícias