Reportar erro
Polêmica

Curador do jogo "Baleia Azul" é preso após investigação do "Jornal da Record"

curador-baleiaazul-preso-18072017_8e72fa2e0675925af42a47b1256f0b94539a79d1.jpeg
Divulgação
Redação NT

Publicado em 18/07/2017 às 15:50:34

A Polícia Civil do Rio de Janeiro efetuou nesta terça-feira (18), em Nova Iguaçu, a prisão de um dos curadores do jogo "Baleia Azul", com a ajuda de uma investigação exibida no "Jornal da Record" no final de maio.

Matheus Moura da Silva, de 23 anos, foi identificado pela emissora depois de meses de investigações do Núcleo de Investigações Jornalísticas da RecordTV, que se infiltrou em comunidades restritas e chegou até o administrador do jogo se fazendo passar por uma pessoa adepta dos desafios.

Depois de fingir cumprir as ordens, uma vez por dia, a produção conseguiu se encontrar com o moderador. Sem desconfiar que a conversa estava sendo gravada, ele falou sobre o jogo e contou por que queria levar os jovens a cometer o suicídio.

Curador do jogo \"Baleia Azul\" é preso após investigação do \"Jornal da Record\"

Com a ajuda desse material, a Polícia Civil fluminense passou a investigar o rapaz e prendeu o primeiro curador do jogo "Baleia Azul" no Brasil. Todos os detalhes da prisão serão exibidos nesta terça, a partir das 21h45, no "Jornal da Record".

A equipe que trabalhou na reportagem foi chefiada pelo diretor de gestão de jornalismo, Leandro Cipoloni, e composta por Luiz Carlos Azenha, André Caramante, Julia Rezende, Camila Moraes, Diego Costa, Álvaro Saraiva e Lumi Zúnica.

O jogo "Baleia Azul", que virou preocupação em vários países, consiste em 50 desafios diários enviados por um curador que termina levando ao suicídio.

Mais Notícias