Reportar erro
Será?

SBT esclarece boatos sobre possibilidade de Rachel Sheherazade se candidatar nas eleições de 2018

Fato gerou uma onda de rumores nas redes sociais

rachelsheherazade-sbtbrasil2017_f306dc0dd78264fa8bdf1e11502b86d7e63606d6.jpeg
Reprodução
Fabrício Falcheti

Publicado em 07/07/2017 às 12:39:45

O SBT precisou emitir um comunicado à imprensa devido à onda de boatos que vinham crescendo nas redes sociais sobre a possibilidade da jornalista Rachel Sheherazade se candidatar nas próximas eleições, em 2018.

A âncora do "SBT Brasil" é bastante engajada com a política e emite fortes opiniões em seu perfil no Twitter, por exemplo, o que teria despertado interesse de partidos.

Mas a emissora, em nome de Rachel, nega os rumores. "Diferentemente do que vem sendo propagado nas redes sociais, Rachel Sheherazade esclarece que não se candidatará a nenhum cargo político. A jornalista nega que sairá candidata nas eleições de 2018 e reafirma que não irá se aliar a nenhum candidato. Não é correto ligar, portanto, a imagem da jornalista a cabo eleitoral de qualquer político, seja ele de qualquer partido", diz a nota.

Atuante nas redes sociais, Rachel Sheherazade segue proibida de emitir comentários políticos no "SBT Brasil" por ordem de Silvio Santos, depois de polêmica declaração que deu em 2014, defendendo uma possível "justiça com as próprias mãos".

Neste ano, em abril, durante o "Troféu Imprensa", Silvio Santos reforçou publicamente o veto, dizendo que se ela quisesse dar opiniões no jornal deveria comprar sua própria emissora de televisão. A "bronca" teve enorme repercussão.