Reportar erro
Vícios

Antes de morrer, Carrie Fisher ingeriu cocaína, codeína, oxicodona, morfina e ecstasy

Ela ficou mundialmente famosa por personagem na saga "Star Wars"

carriefisher_09a25359fc280d332dc6ab1bcf995e5789001594.jpeg
Divulgação
Thiago Forato

Publicado em 20/06/2017 às 15:55:37

Morta aos 60 anos no dia 27 de dezembro do ano passado, Carrie Fisher teve seu relatório toxicológico divulgadao pela polícia de Los Angeles.

Antes de morrer, ela foi hospitalizada por ter sofrido um ataque cardíaco. Em seu sangue, foi detectado cocaína, codeína, ecstasy e oxicodona.

Apesar disso, não foi informado se as substâncias tiveram alguma relação com sua morte.

Lourd Fisher, filha de Carrie, havia declarado à revista People que a mãe lutou contra o vício de drogas e doença mental por toda a vida. "Finalmente morreu por isso", declarou.

Carrie ficou famosa mundialmente por interpretar a Princesa Leia na saga "Star Wars".