Ancine atende pedido e dispensa Tooncast de cumprir cotas de TV paga

Canal da Turner não terá que produzir conteúdo nacional, segundo lei

Divulgação

Publicado em 14/03/2016 às 05:00:05

Por: Sem autor

Depois de quase cinco meses de espera, a Ancine (Agência Nacional de Cinema) finalmente deu sua resposta ao pedido do Tooncast de não cumprir mais as cotas de TV paga no Brasil.

Segundo informações obtidas em primeira-mão pelo NaTelinha, o órgão que regulamenta a TV por assinatura aceitou a solicitação do canal que exibe desenhos antigos da Turner.

O Tooncast conseguiu ficar livre por dois anos de cumprir a lei, e após o término deste prazo, a Turner poderá entrar com uma nova solicitação.

Desde outubro do ano passado a programadora aguardava por um desfecho do caso, alegando que não tinha condições de cumprir as cotas de conteúdo nacional no caso do Tooncast, por conta de sua programação, composta por animações clássicas.

Com essa decisão favorável, o Tooncast não será mais extinto no Brasil ou descaracterizado. A expectativa agora é que o canal invista mais em sua programação, inclusive colocando-a em padrão 24 horas.

Esta é a primeira vez que a Ancine faz uma decisão do tipo para algum canal de TV paga, o que configura uma mudança de filosofia do órgão.



COMENTÁRIOS