Reportar erro
Notícias

MTV Brasil completaria 25 anos nesta terça; veja quatro momentos marcantes

Marca foi devolvida pelo Grupo Abril à Viacom em 2013

e6800bbf44d7e0d47db125a5279e11e3.jpg
Divulgação
Redação NT

Publicado em 20/10/2015 às 18:32:39,
atualizado em 20/05/2021 às 16:21:33

 

Se estivesse no ar - foi extinta em 31 de setembro de 2013 -, a MTV Brasil controlada pelo Grupo Abril e que marcou época na TV nacional nos anos 90 e 2000 completaria 25 anos nesta terça-feira (20).
 
O canal surgiu em 20 de outubro de 1990, como a primeira rede de televisão aberta segmentada, sendo a primeira MTV lançada em TV aberta na história e a terceira filial mundial do canal musical americano.

Além disso, também foi a primeira TV segmentada do país dedicada ao público jovem e pioneira no Brasil a transmitir a sua programação 24 horas por dia, sem ficar fora do ar na madrugada.

Já teve como contratados grandes nomes como Fernanda Lima, Zeca Camargo, Marcos Mion, Astrid Fontenelle, Cazé Peçanha, Luiz Thunderbird, Daniela Cicarelli, Ellen Jabour, Sarah Oliveira, Titi Muller, Marcelo Adnet, Dani Calabresa, dentre outros grandes nomes.

O canal saiu do ar em 30 de setembro de 2013, sendo extinto na TV aberta, com a Ideal TV entrando no lugar. A marca MTV foi devolvida para a Viacom e voltou para a TV paga, onde está há dois, investindo em séries estrangeiras, clipes e alguns programas nacionais, adaptados de formatos americanos.
 
A emissora teve vários grandes momentos marcantes, e o NaTelinha mostra os quatro principais nesta lista:
 
1- Entrando no ar
 

A primeira transmissão da MTV Brasil ocorreu em 20 de outubro de 1990, exatamente ao meio-dia, no canal 32 UHF em São Paulo e 9 VHF pela TV Corcovado, no Rio de Janeiro. Sua primeira imagem foi uma colorbar com a inscrição Rede Abril, seguida por vinhetas institucionais.

A primeira VJ a aparecer na tela foi Astrid Fontenelle, que disse: "Oi, eu sou Astrid e é com o maior prazer que eu estou aqui para anunciar para vocês que está no ar a MTV Brasil!". O primeiro vídeo musical exibido pela MTV foi o remix de "Garota de Ipanema" na voz de Marina Lima. Entretanto, no Rio, o som falhou por cerca de 60 minutos e a TV Corcovado colocou no ar o som de "Walk of Life", do grupo Dire Straits, enquanto as imagens eram do clipe "Garota de Ipanema".
 
Veja o vídeo:

 
2- Disk MTV
 
O "Disk MTV" foi o programa mais longevo da história da emissora, ficando no ar por 16 anos. Era a versão americana do "Dial MTV", que mostrava os clipes mais pedidos pela audiência através do telefone ou por e-mail anos mais tarde.

A mescla de estilos era enorme, tendo a atração clipes de pop, rock, hip hop, etc. O programa era exibido de segunda a sexta às 18h, onde tinha uma audiência cativa e fiel. Teve como apresentadores Carla Lamarca, as gêmeas Kênya Boaventura e Keyla Boaventura, Sarah Oliveira, Sabrina Parlatore, Cuca Lazarotto e Astrid Fontenelle. Saiu do ar em dezembro de 2006, por uma decisão da direção da casa, que queria deixar de investir em videoclipes, já que o YouTube começava a ter uma grande força na época.
 
Veja um vídeo que mostra a trajetória do Disk:


 
3- Caetano Veloso e o xingamento que virou vinheta

 
Na edição de 2004 do VMB, prêmio da emissora que dava reconhecimento aos clipes lançados por artistas nacionais, o cantor Caetano Veloso e o instrumentista David Byrne foram convidados para performar a música "Nothing But Flowers". No entanto, uma série de problemas técnicos acabaram atrasando e dificultando a apresentação.

Nervoso, Caetano reclamou fortemente e deu um piti do tamanho do mundo no ar. "MTV, vergonha na cara! Nós vamos começar de novo, e bota essa p**** pra funcionar direito, para a gente cantar nessa p****!". A fala é lembrada até hoje e virou piada. Sabendo rir de si mesma, a MTV transformou a citação em bordão e vinheta da casa.
 
Veja o momento do piti de Caetano:


 
4- O fim de tudo
 
Em 2013, a MTV Brasil já tinha sido reduzida, com vários cortes de gastos, mas mesmo assim o Grupo Abril viu que a emissora sempre fechava no vermelho. Mal das pernas, a empresa decidiu encerrar a emissora como conhecemos e devolver a marca para a Viacom, detentora dos direitos em todo o mundo, que a relançou no Brasil na TV paga.

No último mês, uma série de homenagens feitos por todos os VJs que já passaram pela casa foram feitos, com o "My MTV". No último dia, as homenagens e um documentário inédito foram exibidos sobre o canal.

Nos últimos 10 minutos, três dos mais importantes VJs da casa apareceram no "Tchau MTV!". Cuca chamou o último clipe da emissora - ela havia chamado o primeiro lá em 1990 -, que foi "Maracatu Atômico", de Chico Science & Nação Zumbi. Por fim, Astrid, que colocou a emissora no ar, chamou o seu fim. Um momento emocionante que entrou para a história da TV brasileira.
 
Veja o vídeo dos últimos 10 minutos da MTV:

TAGS: