Reportar erro
Notícias

Galvão Bueno dispara contra CBF e falhas no programa "Bem, Amigos"

Narrador completou 65 anos nesta terça-feira (21)

galvaobueno-bemamigos-20072015.jpg
Galvão não fez cerimônia ao criticar o presidente da CBF - Reprodução
Thiago Forato

Publicado em 22/07/2015 às 13:42:37

O narrador Galvão Bueno completou nesta terça-feira (21), 65 anos de idade. O NaTelinha fez um especial listando seis momentos especiais de sua carreira, entre pérolas, gafes e conquistas.
 
Um dia antes, no "Bem, Amigos", que apresenta todas as segundas às 21h no SporTV, Galvão colecionou mais um polêmica ao disparar contra a CBF, entidade que é parceira da Globo há décadas, e ainda alfinetou a sua produção.
 
A atração estreou novo cenário e teve diversos problemas técnicos. Os vídeos online não entravam por completo e o áudio estava "picotando". A crise econômica que o país atravessa foi citada pelo narrador parafraseando com a vivida por seu programa. "Falando em crise, passamos por uma crise aqui no programa, mas levamos com bom humor", amenizou.
 
Aniversariante, Galvão recebeu vídeos de atletas e familiares o parabenizando por mais uma primavera completada e pelo novo cenário, mas novamente os vídeos falharam e o narrador ainda ficou confuso  quando teve que ler a tabela do Campeonato Brasileiro, mas ela não apareceu no lugar correto. "Me mandam olhar pra lá, mas o texto está do outro lado. Aí eu não consigo", reclamou.
 
Galvão também não deixou por menos a ausência de Marco Polo del Nero, presidente da CBF, na reunião do comitê executivo da Fifa, realizado ontem na Suíça. 
 
"O Brasil é protagonista há mais de 50 anos no futebol e não tem mais nenhuma representatividade na Fifa. É muito doido", disse. E prosseguiu: "Talvez o cômico inglês, por mais abusado que tenha sido, não fez ninguém rir. Porque aquilo foi um editorial. Não poderia existir um editorial mais forte. Eu confesso: como brasileiro, amante de futebol, como torcedor, como cidadão, como profissional, eu estou indignado e entristecido".