Notícias

WWE revolta Esporte Interativo e canal fecha com maior concorrente; entenda


1cb1be30c555749cbce394c0fa045940.jpg
Divulgação

Agora pertencente ao grupo Turner, o Esporte Interativo acaba de perder um de suas maiores audiências, a WWE, única e exclusivamente por culpa dos americanos.

Segundo informações obtidas com exclusividade pelo NaTelinha, o E+I sempre pediu para o staff do evento o direito de poder transmitir ao vivo os shows que tinha em seu poder: o "Raw" e o "Main Event". Porém, a companhia sempre alegou que tecnicamente isto era inviável.

O problema começou quando a WWE assinou um contrato de cinco anos com o Fox Sports, para a transmissão de suas lutas no canal esportivo do grupo de Rupert Murdoch. Além de todos os programas, o FS teria direito a transmitir todas segundas, às 23h, um evento ao vivo da companhia, o que irritou profundamente os dirigentes do Esporte Interativo.

No ato de renovação, o canal esportivo da Turner subiu o tom, mas não teve suas revindicações atendidas. Se sentindo desprezado, o E+I não renovou com a WWE, e para se vingar e tentar manter o público conquistado, adquiriu o maior concorrente da companhia nos Estados Unidos: o TNA Wrestling, que será exibido nos domingos e segundas da emissora.

A WWE ficou descontente com a não renovação, já que as suas lutas dão cinco vezes mais audiência por lá do que quando são exibidos no Fox Sports 2.

Veja o anúncio do Esporte Interativo para divulgação da compra do TNA: