Notícias

Após um ano do acidente, Shaolin apresenta lenta melhora


img20120118174518.jpg
Divulgação/TV Record

Nesta quarta (18), completa um ano do acidente que deixou o humorista Shaolin em coma.

Ele ainda não anda, nem se movimenta ou fala, mas a possibilidade de reconhecer os familiares é o que tem dado esperança aos parentes do comediante Francisco Josenilton Veloso, 40.

De acordo com o cunhado e produtor de Shaolin, o período não foi fácil, mas a evolução do quadro clínico do artista, embora lenta e gradual, mostra que ele tem respondido bem aos tratamentos.

"A evolução do quadro dele está dentro das expectativas médicas, tanto dos profissionais que o acompanham aqui, na Paraíba, quanto os que o atenderam em São Paulo. Desde o acidente pra cá, ele nunca teve piora, só melhoras", contou Ricardo.

Shaolin se recupera em casa, em Campina Grande (PB). Na cidade, o humorista é acompanhado por uma equipe médica que envolve cerca de oito profissionais.

"Ele mantém um estado mínimo de consciência. Os médicos dizem que ele tem flashs de consciência, mas não se sabe exatamente com quanto tempo de duração. Apesar disso, foram feitos muitos testes e ele respondeu aos estímulos, mostrando que reconhece algumas pessoas e também já conseguiu aperar a mão da fisioterapeuta, entre outras coisas. Estamos confiantes, pois está tudo dentro do tempo previsto pelos médicos", afirmou Ricardo.

Os fãs também não abandonaram o humorista. De acordo com o produtor, ele ainda tem recebido vários emails e telefones de pessoas que torcem por sua recuperação. Nos planos de Ricardo, que tomou a frente da Shaolin Produções, está o lançamento de um documentário sobre o início da carreira do artista, que poderá ser lançado em abril de 2012.

“Estamos captando recursos e fazendo a limpeza do material, que está todo armazenado em VHS, então vai dar um trabalho. À princípio, o plano era de lançar em março, mas como estamos um pouco atrasados, pode ser que esse prazo se estenda um pouco. A ideia é relembrar o início da carreira dele, mostrando alguns programas locais que ele fez”, adiantou o produtor.

O documentário deve se chamar "Cócegas no Cérebro", em referência a um programa que o artista apresentou.

O acidente

Shaolin sofreu um acidente de carro no dia 18 de janeiro de 2011, na BR 230, na altura de Campina Grande, na Paraíba. Na ocasião, o veículo do humorista colidiu com um caminhão, saiu da pista e capotou.

Com a força do impacto, foi constatado traumatismo craniano e uma fratura exposta no braço esquerdo.

Nessa época, ele vinha fazendo bastante sucesso no programa "Tudo é Possível", de Ana Hickmann, na Record. A atração chegou a fazer uma edição especial em homenagem ao humorista, entrevistou seus familiares e contou sua trajetória de vida.

Com informações do NE10.