Notícias

"Cidade Alerta" sai do ar e é substituído pelo "SP Record"

O fim do "Cidade Alerta" se dá pelos baixos índices de audiência conquistados


Por Redação NT

Publicado em 14/09/2011 às 13:23:55,
atualizado em 12/07/2021 às 09:23:32

A Record decidiu encerrar o projeto do "Cidade Alerta" nesta terça-feira (13). O jornal, que teve sua última edição veiculada na segunda-feira (12), não voltou ao ar e foi substituído pelo "SP Record".

 

O fim do "Cidade Alerta" se dá pelos baixos índices de audiência conquistados. No ar desde o final de junho, quando José Luiz Datena formalizou sua saída da Band e ingresso na Record, o noticiário passou por altos e baixos no que diz respeito ao seu desempenho.  

 


José Luiz Datena no comando do "Cidade Alerta": audiência em alta marca início do jornal
Divulgação/Record

 

Embora tivesse tido picos de 16 pontos e médias de 10 pontos em seus primeiros dias, o "Cidade Alerta" perdeu força no decorrer de suas edições. A volta de Datena para a antiga emissora apressou o processo de queda e quando passou ao comando de William Travassos e Reinaldo Gottino os índices se tornaram ainda menores. 

 


William Travassos substituiu Datena após seu retorno à Band: índices em queda e redução de tempo na grade
Reprodução
 

Em seu início, o "Cidade Alerta" chegou a ter aproximadamente 3 horas de duração. As últimas edições, por sua vez, tinham entre 30 e 40 minutos. A exibição, que era nacional, diminuiu a ponto de se tornar restrita apenas para São Paulo em agosto. E em setembro houve corte da exibição para as parabólicas e apenas os telespectadores que moravam dentro do limite urbano da capital paulista podiam sintonizar o programa. 

 

Reinaldo Gottino no "SP Record" antes da substituição pelo "Cidade Alerta": jornal volta com missão de elevar índices e afastar rejeição
Divulgação/Record
 

Com o fim do "Cidade Alerta", a Record volta a engavetar um nome que lhe trouxe grandes sucessos na década de 90.

 

Embora o "SP Record" também tenha uma linha editorial voltada para o policialesco, apesar de possuir uma estrutura diferente, a ideia é ganhar a audiência dos telespectadores que rejeitavam o jornalístico antigo pelo peso de seu nome. 

 

Audiência

 

De acordo com dados consolidados do Ibope na Grande SP, a volta do "SP Record" ainda não alterou os índices da Record no horário. Ontem, o jornalístico comandado por Reinaldo Gottino registrou média de 5,3 pontos. Já na segunda (12), a despedida do "Cidade Alerta" teve 5,0.

 
Mais Notícias