Reportar erro
Pegou mal

Regina Duarte pede "Dia da Consciência Branca" e é criticada na web

Atriz relativizou a data marcada pela luta antirracista

Regina Duarte
"Quando teremos o Dia da Consciência Branca, Amarela, Parda?", questionou Regina Duarte em publicação - Foto: Reprodução/Instagram
Redação NT

Publicado em 21/11/2021 às 14:20:00

Regina Duarte causou revolta nas redes sociais neste domingo (21), após o Dia da Consciência Negra, ao questionar a data. A ex-secretária de Cultura do governo de Jair Bolsonaro relativizou a luta antirracista e a associou à “vitimização”. Por conta da postagem, a veterana da TV recebeu críticas.

Ontem foi comemorado o Dia da Consciência Negra. Quando teremos o Dia da Consciência Branca, Amarela, Parda? Quanto tempo vamos ainda nos vitimizar ao peso de anos, de séculos de dor por culpas antepassadas?”, iniciou Regina Duarte, em texto postado no Instagram junto a um vídeo do ator Morgan Freeman, com discurso semelhante.

Ainda na publicação, a atriz foi adiante: “Quando vamos parar de olhar pra trás e enfrentar o hoje e nós olharmos com a coragem da cara limpa? Maduros, evoluídos, conscientes de nossa luta, irmanados em nossa capacidade, de sermos… Humanos? Simplesmente irmãos?”.

Nos comentários, além de apoiadores, a publicação recebeu algumas vaias. “A data simboliza a luta. Todos sabem que a luta é diária, mas ter um dia faz com que as pessoas não desistam”, explicou uma seguidora. No Twitter, as críticas foram além: “Resolveu acabar com a relevância artística dela”, classificou um internauta.

Em interação com fãs, Regina Duarte respondeu se aceitaria fazer novelas bíblicas na Record

Em julho, Regina Duarte afirmou, em rede social, que aceitaria o convite para participar de uma novela da Record. O comentário repercutiu nas redes sociais neste sábado (17). A atriz está fora da Globo desde 2020, quando se tornou Secretária de Cultura no governo de Jair Bolsonaro. Ela deixou o cargo após três meses.

“Claro que sim, por que não? Eu adoro as novelas da Record, acho que já têm uma qualidade consistente. Adoro as bíblicas, acho que novela bíblica é tudo, estou encantada com elas”, escreveu Regina Duarte em resposta a um comentário de seguidor no Instagram. Longe da TV, ela se mantém ativa e em constante diálogo com os fãs nas redes sociais.

Para assumir o cargo político, a veterana de 74 anos rompeu o contrato com a Globo, do qual era contratada há mais de 50 anos. Em maio de 2020, ela se afastou da Secretaria Especial de Cultura e anunciou que passaria a comandar a Cinemateca Brasileira. A nomeação não ocorreu e a artista foi exonerada 20 dias depois.



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos