Reportar erro
Questão

Após ameaça de Bolsonaro a jornalista, artistas fazem pressão sobre caso Queiroz

Presidente sofreu repúdia após dizer quer gostaria de bater em jornalista

Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro ameaçou jornalista - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 24/08/2020 às 10:39:04

Internautas, políticos e famosos usaram seus perfis do Twitter na noite do último domingo (23) para perguntar ao presidente Jair Bolsonaro o motivo que levou o ex-policial Fabrício Queiroz a depositar dinheiro para a primeira-dama Michelle Bolsonaro. As indagações ocorreram após o governante se irritar com o questionamento de um repórter do jornal O Globo e afirmar que tinha vontade de agredir o profissional.

Opositores do presidente na política e diversos cidadãos iniciaram a campanha e logo os artistas aderiram a provocação. Anitta foi uma das primeiras que repetiu o questionamento. “Presidente Jair Bolsonaro, por que sua esposa Michelle recebeu R$ 89 mil de Fabrício Queiroz?”, escreveu.

Bruna Marquezine, Cleo, Paolla Oliveira, Fábio Porchat, Regiane Alves, Marcelo Adnet, Nando Reis, Caetano Veloso, Bruno Gagliasso, Patrícia Pillar, Giovanna Grigio, entre outras celebridades entraram na onda e também publicaram a pergunta nas redes sociais.

Confira a repercussão:

Luciano Huck e Felipe Neto aprofundaram o assunto

Luciano Huck e Felipe Neto se aprofundaram sobre o assunto e repudiaram o comentário de Bolsonaro. “Quem deveria dar exemplo ao país ameaça de porrada um jornalista que apenas faz seu trabalho no domingo. Quando poderia estar com a família em casa. Tentar calar a imprensa é buscar esconder o que é de interesse público. Autoritário e nada democrático. Por que tanto nervosismo?”, afirmou o apresentador da Globo.

“O erro é achar que a fala do Presidente hoje prejudica sua imagem. Não, sua base QUER isso. Bolsonaro nada de braçada sendo chucro. Dessa vez, contudo, a resposta da oposição foi certeira: concentramos nos 89 mil e no pedido de explicações, não na fala violenta. É isso”, declarou o youtuber.

Confira a nota de repúdio do O Globo:

"O GLOBO repudia a agressão do presidente Jair Bolsonaro a um repórter do jornal que apenas exercia sua função, de forma totalmente profissional, neste domingo.

Em cobertura de compromisso público do presidente, o repórter solicitou que ele se pronunciasse sobre reportagens da revista Crusoé e do jornal Folha de S.Paulo que, no início deste mês, informaram que o ex-assessor de Flávio Bolsonaro Fabrício Queiroz e a mulher dele depositaram cheques no valor de R$ 89 mil na conta da primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Anteriormente, o presidente havia prestado uma informação diferente sobre os valores.

Bolsonaro, então, em manifestação que foi gravada, não respondeu à pergunta e afirmou a vontade de agredir fisicamente o repórter.

Tal intimidação mostra que Jair Bolsonaro desconsidera o dever de qualquer servidor público, não importa o cargo, de prestar contas à população.

Durante os governos de todos os presidentes, o GLOBO não se furtou a fazer as perguntas necessárias para cumprir o papel maior da imprensa, que é informar os cidadãos. E continuará a fazer as perguntas que precisarem ser feitas, neste e em todos os governos”

Mais Notícias
Outros Famosos