Reportar erro
Meteórica

Maju Coutinho por trás das câmeras do Jornal Hoje: Não quer ter filhos e adora repetir roupas

Jornalista tem opiniões firmes sobre diversos assuntos

Maju Coutinho posa para foto
Maju Coutinho é muito mais do que se vê nas câmeras do Jornal Hoje - Foto: Divulgação
Daniel César

Publicado em 15/07/2020 às 06:50:00

Maju Coutinho teve uma ascensão meteórica na Globo. Se ela surgiu como garota do tempo do Jornal Nacional, rapidamente caiu nas graças do público e também da direção da emissora. Titular do Jornal Hoje, a jornalista enfrentou a trupe do racismo e vem conquistando cada vez mais espaço e se destacando na cobertura do combate ao coronavírus. Mas quem a vê segura na TV nem imagina que, por trás das câmeras, a profissional também é muito firme em seus ideais, inclusive de não querer ser mãe.

Maju já teve de enfrentar manifestações racistas no início de sua trajetória no Jornal Hoje, quando substituiu Sandra Annemberg em dança de cadeiras promovida pela Globo no ano passado. E foi neste momento que a vida pessoal da artista começou a a ganhar espaço na mídia, inclusive com sua decisão de não ter filhos e que pegou muita gente de surpresa.

“Eu não tenho vontade de ser mãe. Mas gosto de crianças, porque, às vezes, tem essa ideia [que quem não tem filhos não gosta de criança]. Não tem nada a ver. Eu gosto de crianças e elas gostam de mim. Mas é outro lance, não sei explicar muito bem o que é. Não sinto vontade de ser mãe. É de dentro”, comentou ela durante o antigo Papo de Almoço, da Rádio Globo, em 2018.

A afirmação chocou muita gente e transformou a jornalista em protagonista de diversos sites que cobrem o mundo das celebridades. Para explicar sua defesa, Maju voltou a falar do assunto em entrevista ao Jornal Extra no mesmo ano. “Não é porque namoro uma mulher que não quero ter filhos. É algo já acordado entre nós. Digo que não pretendo engravidar e as pessoas ficam um pouco assustadas”, contou.

Com 41 anos, ela faz aniversário em agosto, a âncora do Jornal Hoje está casada desde 2010 com o publicitário Agostinho Paulo Moura e garante que os dois concordaram com a decisão de não ter filhos, embora Maju revelou que adora crianças.

Maju e os cabelos crespos

A profissional usa os cabelos crespos naturais desde que surgiu como garota do tempo do Jornal Nacional e sempre chamou muita a tenção pela postura. E fez muito sucesso, a ponto de mostrar que cuida muito bem deles e de dar dicas para mulheres com o mesmo estilo. “Eu sempre procuro produtos para o cabelo crespo. Sigo algumas blogueiras e já fiz máscaras caseiras que elas ensinam", confessa

Mas Maria Júlia também já tem experiência a ponto de ensinar como se comportar quando o assunto é cuidar das madeixas. "Colocar azeite junto com a máscara que você usa para cabelos crespos, por exemplo, é uma dica. Você dorme com ela, com uma touquinha para não sujar a fronha. Deixa os cabelos muito macios; eles ganham definição", detalhou em entrevista ao Gshow em 2018.

Mas nem sempre foi assim, ela contou em 2019 ao participar do Superbonita da GNT, que sempre alisou o cabelo desde criança porque era o exemplo que tinha dentro de casa. Porém fez questão de não colocar a culpa e contextualizar o comportamento da família. “Existia essa questão da minha mãe e avó não saberem lidar com o cabelo black porque elas também foram criadas na cultura do alisamento”, revelou.

“Quando vejo um monte de menininha com cabelo black na rua, fico tão feliz. É muito bom ver que essa amarra foi quebrada. Me emociona”, continuou ela, que foi a primeira jornalista negra na bancada do Jornal Nacional.

Maju e os looks repetidos

Maju fez muito sucesso quando ganhou protagonismo na Globo por conta de seus looks. Sempre muito discreta e com um estilo próprio, ela até estranhou o fato de suas roupas atraírem tanto a atenção das pessoas, já que ela própria disse que nunca foi fissurada no assunto e que pratica algo sustentável: repetir roupas.

“Toda vez eu me surpreendo com isso, porque a roupa foi uma coisa muito marcante na minha figura, as pessoas gostam. E eu não tenho tanta variedade, eu gosto de repetir roupa. Isso é ser sustentável. Eu pego uma roupa e vou repetindo sem a menor vergonha", explicou ela em bate papo com o Gshow. E Maria Júlia também falou sobre como cuida da sua pele.

“Eu gosto de uma pele bem feita com uma base para dar mais uniformidade e, às vezes, um marronzinho para o côncavo do olho. Eu acho que funciona", revelou mostrando que é uma mulher vaidosa.

Maju e a profissão

Maju teve uma carreira aparentemente meteórica, mas cheia de trabalho. Já estreou em 2005 como âncora do Jornal da Cultura, onde ficou até o ano seguinte. Ainda em 2006, assumiu o Cultura Meio-dia, permanecendo até 2007. Entre 2007 e 2012, Maria Júlia virou repórter e trabalhou em diversas empresas, até ingressar na Globo em 2013, assumindo o papel de garota do tempo do Globo Rural.

O posto foi a que a fez crescer dentro da emissora carioca porque, a partir daí trabalhou no Bom Dia SP, Bom Dia Brasil, Hora Um, Jornal Hoje e no próprio programa rural do canal, até 2014. Neste ano, assumiu o posto de previsão do tempo do JN e virou queridinha do público pelo tom casual dado para o tema. Em 2015, Maju passou a dividir-se em vários jornais, inclusive o SPTV. E em 2019 deu o maior salto de sua carreira, ao assumir a bancada do Jornal Hoje, onde permanece até o momento.

Mais Notícias
Outros Famosos