Polêmica

Bruno Gagliasso critica marca por produto acusado de racismo: "Estamos doentes"

Ator fez uma reflexão sobre o racismo

Bruno Gagliasso critica marca por produto acusado de racismo:
Bruno Gagliasso - Foto: Reprodução

Publicado em 17/06/2020 às 16:56:22

Por: Redação NT

Nesta quarta-feira (17), Bruno Gagliasso usou seu perfil do Twitter para fazer uma crítica direta a Bombril, empresa de produtos de limpeza que fez o relançamento de um produto apontado por muitos como racista.

Para falar sobre o ocorrido, o ator fez uma reflexão sobre as ações humanas que causam vergonha. "Estamos doentes. Todos os dias acordamos com motivos para nos envergonhar de ações humanas. De uma marca sendo explicitamente racista a pessoas que dedicam seus dias a odiar as outras em redes sociais. Estamos muito doentes", desabafou.

Em outro momento, compartilhando tweet de um seguidor que comentava sobre o fato do produto ter sido tirado do ar e ainda fazer uma cobrança direta para a empresa, o ator foi ainda mais direto e crítico: "Temos que não comprar mais! Nunca mais! Nada".

E mais tarde, destacou que não iria chegar para ele qualquer proposta publicitária da marca, afirmando que "eles não tem essa cara de pau".

Bruno Gagliasso faz desabafo sobre o racismo

Continuando seus comentários sobre o racismo, o ator escreveu sobre as pessoas que fazem comentários ofensivos nas redes sociais. "Eu queria que você que xinga uma mulher negra por ser mulher e negra, fosse para a frente do espelho e repetisse o que você escreve na internet com um sorriso no rosto. Se você conseguir eu queria que você fosse pra frente da sua mãe e dissesse isso pra ela com um sorriso no rosto", comentou.

Seguindo, ele ainda deu vários exemplos de atitudes de pessoas que gostam de destilar ódio na web: "Eu queria que você que desmerece o trabalho de uma mulher na internet olhasse pra sua mãe e comparasse o trabalho dela com um vírus ou com coisas ruins que estão acontecendo em 2020. Com um sorriso no rosto".

"E eu queria que vc que diz a um PAI que quer que a filha dele seja morta e estuprada na internet, olhe nos olhos do seu pai e diga isso sobre as filhas dele", escreveu.

Para encerrar, ele fez o desafio: "Eu acho que essas pessoas escrotas na internet precisam sair do armário nem que seja em casa. Duvido que sobrem muitos dentes pra sorrir pra selfie".

Entenda a polêmica com a Bombril

A empresa de produtos de limpeza se envolveu em grande polêmica ao decidir relançar um produto que era comercializado na década de 1950, com o nome original: Krespinha.

Pouco tempo depois, a marca começou a receber milhares de comentários negativos nas redes sociais e a hashtag Bombril Racista apareceu entre os assuntos mais comentados.

O NaTelinha entrou em contato com a Bombril para comentar a polêmica e as declarações de Bruno Gagliasso, porém não houve resposta até a publicação da reportagem. Caso o façam, o texto será atualizado.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!