Constrangimento

No ar em Totalmente Demais, Giovanna Rispoli confessa que já foi alvo de assédio

Atriz revelou que recebeu muitas mensagens com conteúdos sexuais

No ar em Totalmente Demais, Giovanna Rispoli confessa que já foi alvo de assédio
Giovanna Rispoli falou sobre casos de assédio que sofreu - Foto: Reprodução

Publicado em 22/05/2020 às 10:34:02

Por: Redação NT

Giovanna Rispoli está revendo seu trabalho na reprise de Totalmente Demais e, por causa das suas aparições na televisão, ela confessa que já foi muito assediada. A atriz revelou que quase chegou a ir à polícia porque um homem enviou mensagens assustadoras.

“A gente (a família) quase chegou a ir à polícia. Um cara estava me stalkeando nas redes, mandando mensagens meio assustadoras. Sempre contei tudo para os meus pais, eles nunca precisaram mexer nas minhas redes”, relatou a artista em entrevista para a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, publicada nesta sexta-feira (22).

Giovanna explicou que sempre fez questão de mostrar aos seus pais as mensagens de assédio para que eles pudessem tomar as providências necessárias. “Quando aparecia alguma coisa assim, eu alertava. Conversamos com um policial que minha mãe conhece e ele falou que, se voltasse a acontecer, deveríamos tomar uma providência. Mas a pessoa acabou sumindo”, acrescentou.

Ela relatou que, atualmente, esse tipo de coisa ocorre raramente e suas redes sociais estão cheias de pessoas que defendem a defesa contra as mulheres.  “De tanto que bloqueei gente sem noção elas pararam de aparecer. Acho que já passou a fase de comentários horríveis. Quanto mais nova, pior. Há muitas pessoas maldosas”, contou.

“À medida em que fui crescendo, viram que sou realmente contra esse tipo de coisa e foram desaparecendo. Tenho um público agora que é mais da militância, então, está tranquilo”, ressaltou.

Giovanna Rispoli solteira

Giovanna terminou há pouco tempo seu namoro com Felipe Tupinambá por causa da distância – o rapaz mora nos Estados Unidos – mas ele retornou para o Brasil por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus.

“Com o coronavírus, ele foi obrigado a voltar para o Brasil. Foi até meio contraditório, porque a gente terminou por causa da distância e, três semanas depois, ele retornou. Mas a gente não se encontrou. Vamos ver se quando isso passar a gente se vê. Mas estou bem e acho que ele também”, explicou.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!