Fim da linha

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

Presidente teve um ano controverso na relação com seus apoiadores famosos


Montagem da tela dividida entre Lobão e Fagner
Lobão e Fagner foram duas das muitas celebridades que romperam com o presidente Jair Bolsonaro em 2019. Foto: Montagem

O primeiro ano de mandato do presidente Jair Bolsonaro foi repleto de polêmica. Não foi diferente quando o assunto é sua relação com famosos. Se muita gente se posicionou contrário a ele desde a campanha do ano passado, outro tanto de famosos apoiaram em sua eleição. Mas o amor durou pouco em alguns casos e muitos nome importantes das celebridades brasileiras romperam com o presidente, como Lobão e Fagner.

Pensando neste relacionamento conturbado entre presidente e seus apoiadores, o NaTelinha preparou uma lista para relembrar os famosos que romperam com Jair Bolsonaro ao longo de 2019. Confira

Lobão

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

Um dos mais empolgados durante todo o ano de 2018 quando o assunto era política, Lobão foi muito mais que um apoiador de Bolsonaro e poderia ser definido como militante. Ativo nas redes sociais, o cantor compartilhava notícias e pedia voto explicitamente para o então candidato a presidente.

Mas o amor não durou muito tempo e o cantor rompeu com o governo logo neste primeiro ano de mandato. De figura central do bolsonarismo nas redes sociais, Lobão passou a ser alvo da trupe do presidente e abriu guerra contra os antigos companheiros, se tornando um dos mais críticos ao atual presidente.

Alexandre Frota

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

Alexandre Frota é muito mais que simplesmente um membro da classe artística que apoiou Bolsonaro. O ator se aproximou tanto do então candidato que decidiu se lançar na vida pública como deputado federal e foi um dos mais votados do grupo bolsonarista.

Acontece que a relação azedou logo no começo. Frota perdeu a paciência com alguns pontos da gestão que ele discordava, abandonou o PSL, então sigla de Bolsonaro, e virou oposicionista. Atualmente ele defende abertamente que Bolsonaro deveria enfrentar um processo de impeachment.

Sandro Rocha

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

O "miliciano" que apoiava um candidato a presidente. A brincadeira é puramente um trocadilho, já que Sandro interpretou um miliciano em seu principal papel como ator, no filme Tropa de Elite 2. Ele era um empolgado fã de Bolsonaro na campanha a tal ponto de criar um canal no Youtube para falar suas opiniões e defender seu candidato.

Mas já em 2019, os dois acabaram caindo em pé de guerra e Rocha perdeu a paciência, se dizendo decepcionado com o presidente. Num dos momentos icônicos envolvendo famosos e a política, o ator apareceu chorando num vídeo de desabafo.

Danilo Gentili

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

O humorista do SBT sempre teve uma relação ativa nas redes sociais. Em 2014 ele foi um fervoroso apoiador de Aécio Neves e prometeu que em 2018 não cometeria o mesmo erro. Criticando os candidatos do PT, Gentili sempre teve uma relação pessoal com Bolsonaro, já que se conheceram no CQC e todo mundo o enxergava como um apoiador, mesmo ele negando.

Se Danilo apareceu no espectro bolsonarista na campanha e até entrevistou o presidente neste ano, a relação com a trupe presidencial ao longo do ano, chegando a tal ponto do apresentador afirmar que não mais falaria de política nas redes sociais. Obviamente ele não cumpriu a promessa e segue vivendo em pé de guerra com os fãs de Bolsonaro.

Fagner

De Lobão a Fagner: Famosos que romperam com Bolsonaro em 2019

O cantor virou assunto quando se declarou fã e apoiador de Jair Bolsonaro. Muita gente ficou surpresa com a revelação, mas o artista se manteve inabalável com as críticas e manteve seu discurso de que o país precisava de alguém com a postura do candidato que prometia varrer a corrupção.

Menos de um ano depois, Fagner foi entrevistado novamente, disse não acompanhar política e garantiu que estava frustrado com o início da gestão federal. Ele ainda afirmou que considera o governo de Jair Bolsonaro muito amador neste início de mandato.

Mais Notícias
Outros Famosos