Polêmica

Andressa Urach relembra período de prostituição: "Precisava ser agredida"

A famosa contou tudo em entrevista

Andressa Urach relembra período de prostituição:
Andressa Urach - Foto: Reprodução

Publicado em 21/10/2019 às 16:05:27

Por: Redação NT

Hoje evangélica, Andressa Urach tem usado seu espaço na mídia para relembrar momentos do passado que hoje lhe trazem vergonha, como uma forma de mostrar sua mudança de vida. Em entrevista à revista Quem, ela comentou sobre o período em que passou pela prostituição.

“Comecei a usar cocaína aos 21 anos, quando entrei para a prostituição. A cocaína era um hábito para mim e fazia parte do meu dia; eu cheirava de manhã, de tarde e de noite. Também bebia todos os dias”, declarou.

Em outro momento, ela causou polêmica após revelar momentos que passou para ganhar dinheiro, destacando que quanto mais "sujo" e arriscado, mais dinheiro conseguia. “Comecei a fazer sadomasoquismo porque quanto mais sujo e nojento o sexo, mais a gente faz dinheiro. Eu já não pensava mais em nada, só no dinheiro. Perdi o limite. Comecei a não sentir mais prazer no sexo normal”, disse.

“Eu precisava ser agredida, agredir, me submeter à urina, fezes e coisas muito piores. Era algo que você perdia a dignidade e se sentia um lixo e sentia prazer em se sentir um lixo. Tinha clientes que me pagavam absurdos para que eu os humilhasse. Eram homens poderosos e famosos, geralmente casados com mulheres lindas”, refletiu.

Andressa Urach lança novo livro com revelações

Em vista o grande sucesso do livro "Morri para Viver", que vendeu mais de 1 milhão de cópias, agora está sendo lançado o "Desejos da Alma", onde Andressa Urach contará tudo o que fez pela fama, antes de se converter.

Um dos pontos que serão abordados, será a época em que ela descobriu que estava com uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST), a qual ela afirma que contraiu por ter "caído no pecado".


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!