Nova vida

Evangélica, Andressa Urach decide remover tatuagem com o nome do filho: "Arrependida"

Ela compartilhou a remoção nas redes sociais

Evangélica, Andressa Urach decide remover tatuagem com o nome do filho:
Andressa Urach - Foto: Montagem/Reprodução

Publicado em 04/07/2019 às 15:12:42 ,
atualizado em 04/07/2019 às 15:49:19

Por: Redação NT

Desde que virou evangélica, Andressa Urach sempre tenta mostrar como mudou de vida e como isso fez bem para ela. Nas redes sociais, a ex-modelo sempre publica coisas positivas sobre fé e algumas reflexões.

Nesta quarta-feira (03), a famosa decidiu compartilhar com seus seguidores do Instagram o registro da remoção de uma tatuagem que ela tinha com o nome do filho. Na legenda ela destaca que ama muito o filho, só que se sente arrependida de ter feito o desenho.

“Muito bom, gente. Não doeu nada. O Rodrigo acabou de remover a tatuagem do meu pescoço e do meu braço. Tirei o nome do meu filho do pescoço. É o meu filho, amo ele, mas não quero mais ter tatuagem. Me arrependo muito. Então você que está aí assistindo… Não faça tatuagem! E se fizer… Pode vir aqui na clínica para remover”, disse.

Na sessão de remoção, Urach também tirou um terço que tinha no ombro.

Passado de Andressa Urach, das polêmicas para a conversão

Quem acompanhou a trajetória de Urach sabe que ela ganhou destaque na mídia se envolvendo em polêmicas, e sempre destacando o corpo.

Em 2012, foi vice Miss Bumbum e ficou conhecida mesmo pelo público somente depois de ter um suposto envolvimento com o jogador Cristiano Ronaldo. Devido a alta no assunto, foi convidada para "A Fazenda", onde protagonizou barracos históricos, com direito a um confronto com troca de cusparadas.

Todo o país acompanhou de perto a luta de Andressa pela vida, após um aplique de hidrogel que deu errado. Após o grande sufoco, ela resolveu se converter e é uma membro frequentadora da Igreja Universal do Reino de Deus.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!