Reportar erro
Exclusivo

Após polêmica com Luisa Marilac, Nego do Borel visita casa que acolhe trans e travestis

Cantor pediu ajuda para ativista do movimento LGBTI+

Nego do Borel e Agrepino Magalhães
Nego do Borel com Agrepino Magalhães, ativista do movimento LGBTI+
Sandro Nascimento

Publicado em 01/02/2019 às 16:55:05

Enfrentando uma crise na carreira após a polêmica com Luisa Marilac e ameaçado de processo no web, Nego do Borel está se aproximando da causa LGBTI+.

No início da tarde desta sexta-feira (01), o cantor visitou a Casa Florescer, espaço que abriga mulheres transexuais e travestis em situação de vulnerabilidade, em São Paulo.

Nego do Borel foi acompanhado de Agrepino Magalhães, ativista do movimento LGBTI+.

"Ele errou, todo mundo sabe que errou e feio. Chamar uma pessoa que tem uma identidade de gênero no masculino, sendo que a uma pessoa tem uma identidade de gênero que é feminino, é horrível. Mas eu vejo que ele errou e pediu desculpas e a gente vê na cara dele que ele se arrependeu", contou Agrepino em conversa com o NaTelinha.

O ativista do movimento LGBTI+ elogia a atitude do funkeiro de se aprofundar na causa e dos problemas que as transexuais e travestis enfrentam. Ele ainda destaca que o transtorno que o cantor enfrentou após a treta com Luisa Marilac serviu como lição.

Caso Nego do Borel e Luisa Marilac: Funkeiro visita casa que acolhe trans e travestis

Das mãos de Agrepino, Nego do Borel recebeu um manual de comunicação do LGBTI+, que explica, de forma didática, todo movimento.

"Eu acho louvável a atitude do Nego do Borel. Ele hoje pediu desculpas, visitou a casa FloreScer, que é uma casa de acolhimento de mulheres travestis e mulheres transexuais em situação de rua em São Paulo. E assim entender mais, se aprofundar e ajudar. Pelo simples fato dele pedir desculpas, isso é já uma grande vitória pra nós do LGBTI +. Os próprios seguidores dele entendem também que não pode sair por aí não respeitando as pessoas nos seus devidos direitos de ser. É isso queremos das pessoas, simplesmente respeito", completou Agrepino Magalhães.

O NaTelinha tentou contato com a assessoria de imprensa de Nego do Borel, mas as ligações não foram atendidas.

Confusão

No dia 12 de janeiro, Nego do Borel publicou no perfil de Luisa Marilac o seguinte comentário: "Você é um homem gato também, parabéns, deve estar cheio de gatas!".

Sentindo-se ofendida, Marilac, que é travesti, retrucou o cantor: "onde você está vendo um homem aqui?". Em seguida, colocou no seu perfil do Instagram o print da conversa, com a legenda: "Eu estou perplexa. Fiquei sem chão. Sigo cara tanto tempo... Gosto do trabalho dele. Olha o que ele fala pra mim. Vivendo e aprendendo é assim que a gente conhece as pessoas".

Após ocorrido, o cantor tem enfrentado diversos problemas na carreira. Foi vaiado durante uma participação especial no show de Anitta, teve a gravação do DVD cancelada e alguns artistas estão se afastando para não terem suas imagens atreladas ao funkeiro.

Mais Notícias
Outros Famosos