Erro de planejamento faz RecordTV Rio ter prejuízo e demitir 26 funcionários

Inauguração da nova sede contou com a presença de estrelas da RecordTV - Divulgação

Publicado em 17/08/2017 às 06:45:28

Por: Sandro Nascimento

Por um erro de planejamento e crise publicitária que afeta o setor, a RecordTV Rio demitiu 26 profissionais ligados à área de jornalismo na última terça-feira (15).

Entre os dispensados estão o chefe de reportagem do "Domingo Espetacular", toda a equipe de estúdio do "Cidade Alerta Rio", uma produtora de rede e auxiliares.

Nesta quarta (16), o clima na redação carioca era desolador e cheio de reclamações. Os profissionais que permaneceram na filial tiveram que acumular funções, sem a segurança de terem seus empregos mantidos, já que acreditam que uma nova lista de demissões deve surgir no próximo mês.

Inaugurada em dezembro do ano passado, com um investimento divulgado em torno de 23 milhões de reais, a nova sede da RecordTV Rio tinha como principal objetivo a economia das despesas fixas do canal. Segundo informações exclusivas as quais a reportagem teve acesso, depois de oito meses no novo endereço, isso não ocorreu. Suas despesas aumentaram em quase R$ 2 milhões, deixando os diretores em estado de alerta.


publicidade


Executivos da RecordTV com seus cônjuges no lançamento da nova sede da emissora no Rio

A antiga sede da RecordTV Rio era localizada no bairro de Benfica, zona norte da cidade, numa área considerada de risco. Segundo apurado pela coluna, 50% das despesas fixas da emissora eram derivadas de gastos com segurança. Com a mudança para o novo endereço, conforme o planejamento dos executivos, haveria uma economia em torno de R$ 600 mil nas despesas do canal.

Entretanto, situado em Vargem Grande, zona oeste da cidade, a nova sede tem uma área de 41 mil m², três estúdios, salas de reuniões com capacidade para até 200 pessoas, refeitório climatizado e espaço de convivência com 10 mil m² com jardins. Por consequência disso, novas despesas fixas foram criadas que não estavam previstas no planejamento inicial de seus diretores. Ou seja, hoje a RecordTV Rio gasta cerca de R$ 2 milhões a mais do que quando estava em sua antiga casa.

Ana Maria Braga se revolta com notícia de que teria mais três anos de vida: "absurdo"

Em busca do plano B, Otávio Mesquita vira dono de supermercado

- Novos bichos, novas provas e nova sede: RecordTV lança primeira chamada de "A Fazenda 9"

- Com novas temporadas de "BBQ Brasil" e "Bake Off", SBT fecha sábado na frente da RecordTV com vantagem

- Comentarista da RecordTV teve festa de aniversário apenas aos 42 anos

Somando-se a isso, com a crise econômica que afeta o mercado publicitário, o departamento comercial da Record Rio teve queda nas vendas e seus executivos já não batem as metas estabelecidas. Se está entrando pouco dinheiro e o custo está alto, a emissora não tem outra alternativa além de fazer ajustes, demitindo funcionários.

Procurada sobre as demissões, a assessoria de imprensa da RecordTV Rio emitiu o seguinte comunicado: "A RecordTV Rio conta hoje com cerca de 500 funcionários no recém-inaugurado complexo de estúdios de Vargem Grande e passa por uma reestruturação em sua equipe e adequação de custos que implicam na substituição e realocação de colaboradores e também novas contratações".

Veja também:

Gloria Perez fala das críticas sobre "A Força do Querer": "uma grande baboseira"




publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade