Reportar erro
Dia de roça

A Fazenda 2020: Lipe especula sobre roça e promete: "Vai ser louco"

Influenciador digital vai abrir o lampião e poderá mexer na dinâmica de formação da berlinda

Lipe Ribeiro aparece de boca aberta e braços cruzados em A Fazenda 2020
Lipe Ribeiro promete fogo no feno na roça de A Fazenda 2020. Foto: PlayPlus/ Reprodução
Redação NT

Publicado em 24/11/2020 às 22:22:26

Lipe Ribeiro e Lidi Lisboa especularam as possibilidades para a roça de A Fazenda 2020 desta terça-feira (24). Em uma conversa em tom baixo no quarto da sede, a atriz revelou que vai votar em Mariano. "Não tenho nada contra o Mariano, mas agora eu comecei a abrir meus olhos. Eu tava com tanta raiva dos quatro que eu queria botar todos na baia", disse Lidi sobre Mariano, Biel, Mateus Carrieri e Jojo Todynho.

Sobre Biel, Lipe tentou alertar Lidi sobre sua transformação ao longo do reality, mesmo o cantor sendo alvo de voto do influenciador digital.

"Tô gostando dele. Ele tem umas opiniões meio erradas, mas não faz as coisas na maldade", analisou o carioca. "Eu não vou votar (no Biel), ele sabe que eu estou me acertando com ele. Nesse semana está menos pior (em votar), está de boa. Semana passada eu estava irada", afirmou Lidi.

Lipe contou para a amiga que tem duas opções de voto: Biel ou Stéfany Bays. Na sequência, eles fizeram contas e levantaram as possibilidades.

"Vai ser louco. Vou levar pipoca hoje", prometeu Lipe. Não só os dois amigos especularam sobre a formação da roça. Mais cedo, Biel afirmou que pode levar muitas indicações da sede durante a votação.

Biel como alvo de voto de A Fazenda 2020

Em conversa com Mateus na área externa de A Fazenda 2020, o cantor analisou quem poderia votar nele e comparou a possibilidade de berlinda com um massacre.

"Pra mim é melhor ir pela fazendeira, que eu não puxo ninguém e nem me indisponho. Eu pensei nisso agora há pouco. Jojo vai mandar a Lidi para te proteger. A Jojo nem deve votar em mim por causa disso. Mas aí tem os votos da casa. Mas se não fazer diferença, pode votar em mim, se for o último voto, ou se já tiver um massacre", analisou.



Mais Notícias