Elaine Trevisan

Narradora da ESPN realiza sonho antigo no canal pago: "É maravilhoso"

Elaine Trevisan, que trabalha na narração desde 2016, é a voz da Libertadores, da Euro Feminina e Wimbledon


Elaine Trevisan em foto publicada no Instagram: ela sorri, está com o cabelo marrom de lado e usa camisa branca
Elaine Trevisan em foto publicada no Instagram: narrador é a voz de uma das disputas da Libertadores que irão ao ar hoje - Foto: Reprodução/Instagram
Por Daniele Amorim

Publicado em 05/07/2022 às 20:00:00,
atualizado em 05/07/2022 às 20:00:25

Narradora da partida Libertad e Athletico-PR , que irá ao ar nesta terça-feira (5) na ESPN, Elaine Trevisan realiza um sonho enquanto trabalha no canal pago. Além de ser uma das vozes das Libertadores, ela está na cobertura da Euro Feminina: "Estudo [a modalidade] ela há quase dez anos, sonhei em estar dentro dos gramados e ter a oportunidade de vive-la dando voz aos lances", contou ela. 

Além de ser destaque no futebol, Elaine é a voz das disputas de tênis em Wimbledon e tem experiência nas competições de e-sports e atletismo.  Ao na NaTelinha, ela diz que prefere diversificar para não ficar só nas quatro linhas:

Eu estou tão feliz de participar de competições tão importantes e diversas que até bate aquela sensação difícil para qualquer narrador: explicar o que sinto. Algumas vezes, é inenarrável. É maravilhoso participar de transmissões de eventos grandes e marcantes no esporte, ainda mais em modalidades diferentes. Desde que comecei a narrar em 2016, tive a oportunidade de trabalhar com diferentes esportes, e nunca quis me restringir a ser uma narradora de futebol, mas sim uma narradora esportiva. Cada modalidade nova é um desafio, uma oportunidade de aprender, conhecer e se entregar a mais um esporte

No entanto, a jornalista admite que é mesmo fã do futebol feminino. "Eu trabalho e torço muito para que o futebol feminino continue se desenvolvendo e alcançando cada vez mais pessoas. A modalidade sempre enfrentou muitos desafios extracampo para se desenvolver. Nunca foi restrito apenas ao âmbito esportivo, seja estrutural ou técnico, o futebol feminino sempre encontrou barreiras e preconceitos sociais para ser praticado. Esses obstáculos dificultaram seu desenvolvimento por muitos anos, mas nunca o paralisaram. As equipes e jogadoras sempre resistiram e encontraram um jeito, por vezes até clandestino, para seguir e continuar jogando. Diante dessa história da modalidade, ver competições como a Euro feminina ganhar números e alcance tão grandes é maravilhoso. Eu vejo o desenvolvimento do futebol feminino em um caminho muito promissor, porque o trabalho para que isso aconteça não se concentra apenas dentro das 4 linhas, há movimentação, planejamento e uma união de esforços também fora dos gramados para que a modalidade cresça cada dia mais, e tenha o alcance, visibilidade e respeito que merece", diz. 

Narradora da ESPN na Libertadores

Se o futebol feminino é algum que trouxe identificação à narradora, Elaine também se sentiu representada ao narrar a primeira partida do Athletico-PR nas oitavas de final da Libertadores. Ela nasceu no estado e, na semana passada, esteve na Arena da Baixada para participar da cobertura do Furacão. "Foi muito emocionante narrar do estádio, sentir a vibração dos torcedores, sentir a reação deles em cada lance, me embalava na narração. O lugar da narração também teve temperos especiais para mim", acrescenta.

A Arena da Baixada tem uma estrutura muito completa, me senti confortável e acolhida por todos. Além, é claro, de narrar um time como o Furacão que faz uma ótima temporada, é um time de grande expressão nacional, está se destacando no Brasileiro, Copa do Brasil e focado em conquistar a América. Não tinha como não ser especial reunindo todos esses elementos. Foi um momento muito importante e marcante para minha carreira. Uma daquelas experiências para guardar na memória.

Dessa vez, ela está no estádio do Libertad, no Paraguai, para narrar a segunda partida do  Athletico-PR. No entanto, ela já avisou seus seguidores que espera a mesma empolgação da torcida do Furacão. "Mesmo sendo no Paraguai, vamos para o jogo com aquela energia maravilhosa da Arena da Baixada", postou no Instagram.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias