Deixaram saudade

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram

A novela de Walther Negrão foi ao ar em 1998, na faixa das 18h


Elias Gleizer em cena de Vô Pepe de Era Uma Vez...
Elias Gleizer (1934-2015) foi o Vô Pepe de Era Uma Vez... - Nelson di Rago/TV Globo

Em 30 de março de 1998, foi ao ar na Globo o primeiro capítulo de Era Uma Vez.... A novela de Walther Negrão foi reprisada no Vale a Pena Ver de Novo em 2007 e no Canal Viva em 2021, sendo disponibilizada no catálogo do Globoplay no mesmo ano.

A trama mostrava o cotidiano de três gerações para mostrar que não existe um tempo ideal para amar e ser feliz, fazendo referência a clássicos da literatura infantil e do cinema, como Pinóquio, de Carlo Collodi, A Noviça Rebelde, de Robert Wise, e O Mágico de Oz, de Victor Fleming.

Muitos conflitos acontecem na novela quando Madalena (Drica Moraes) se muda para Nova Esperança para fugir do ex-marido violento, Danilo (Tuca Andrada). Ela cai nas graças do patrão, Xistus (Cláudio Marzo) e do ex-genro dele, Álvaro (Herson Capri), pai das crianças de quem a moça se torna babá. A protagonista ainda tem que lidar com as armadilhas montadas por Bruna (Andréa Beltrão), uma advogada mimada que namora Álvaro e não gosta de dividí-lo com os filhos.

24 anos após a estreia, muitos atores do elenco principal do folhetim já morreram. Cláudio Marzo, Elias Gleizer e Nair Bello são alguns dos talentos que já partiram. Confira a lista:

Cláudio Marzo

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Cláudio Marzo como Xistus - Arley Alves/TV Globo

Intérprete de Xistus, dono da fábrica de chocolates da região, Cláudio Marzo morreu em 22 de março de 2015, aos 74 anos, vítima de complicações pulmonares. O ator ficou 16 dias internado no CTI e teve o corpo cremado no Memorial do Carmo, no Rio. O veterano acumulou quase 50 novelas em seu currículo.

Elias Gleizer

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Elias Gleizer como Vô Pepe - Nelson di Rago/TV Globo

Elias Gleizer deu vida ao criativo Vô Pepe, pai de Álvaro e amado pelos netos. Em 6 de maio de 2015, o ator sofreu uma queda em uma escada rolante, que resultou em cinco costelas quebradas e uma perfuração no pulmão. 10 dias depois, o paulista morreu aos 81 anos, em decorrência de complicações que levaram à falência circulatória após uma broncopneumonia. Ele nunca se casou nem teve filhos, se dedicando à carreira artística e fazendo mais de 70 trabalhos apenas na televisão.

Nair Bello

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Nair Bello em Era Uma Vez... - Arley Alves/TV Globo

A batalhadora e bem-humorada Dona Santa foi vivida por Nair Bello. A atriz morreu em 17 de abril de 2007, aos 75 anos, devido à falência múltipla dos órgãos, após ter passado vários meses em coma na UTI, em decorrência de uma parada respiratória causada por uma pneumonia, que gerou uma parada cardíaca. Nair teve uma carreira marcada pela comédia e seu último trabalho na TV foi em Bang Bang (2005-2006).

Yoná Magalhães

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Yoná Magalhães em 1998 - Divulgação/TV Globo

Yoná Magalhães deu vida a discreta e elegante Anita, mãe de Bruna e Filé (Cláudio Heinrich). A atriz morreu aos 80 anos, em 20 de outubro de 2015, após mais de um mês internada na Casa de Saúde São José, na Zona Sul do Rio. Yoná deu entrada no hospital para se submeter a uma cirurgia para corrigir uma insuficiência cardíaca. Após o procedimento, ela foi internada na UTI, mas apresentou sepse pós-operatória. Sua última novela foi Sangue Bom (2013).

Jorge Dória

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Jorge Dória como Rudy - Nelson di Rago/TV Globo

Jorge Dória interpretou Rudy, marido de Anita, que ganhou uma fortuna no hipódromo e deixou as origens humildes pra trás. O ator morreu de complicações cardiorrespiratórias e renais, aos 92 anos, em 6 de novembro de 2013, após mais de um mês internado no CTI do Hospital Barra D'Or, na Zona Oeste do Rio. Em 2005, ele se afastou dos palcos e da TV por problemas de saúde, decorrentes de um acidente vascular cerebral.

João Carlos Barroso

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
João Carlos Barroso foi J.J. em Era Uma Vez... - Nelson di Rago/TV Globo

Em Era Uma Vez..., João Carlos Barroso deu vida a J.J., pai de Babi (Nivea Stelmann) e Cema (Carolina Rebello). Convidado por produtores argentinos para participar de um filme aos 11 anos de idade, o ator acumulou quase 50 trabalhos em TV e cinema ao longo de mais de 40 anos de carreira. O carioca lutava contra um câncer no pâncreas e morreu em 12 de agosto de 2019.

Hilda Rebello

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Hilda Rebello em foto de Estevam Avellar, da TV Globo

Mãe do diretor da trama, Jorge Fernando (1955-2019), Hilda Rebello iniciou sua carreira artística aos 64 anos e se profissionalizou aos 70, com o apoio do filho. Na história de Walther Negrão, a atriz deu vida a Olga, mas seu último trabalho na TV foi como a Marieta de Haja Coração (2016). Hilda morreu em 29 de dezembro de 2019, após 22 dias internada para tratar um quadro de insuficiência respiratória, dois meses após a morte do filho.

Rejane Goulart

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Rejane Goulart em foto de divulgação

Rejane Goulart deu vida à Dra. Nilda na novela das seis e começou sua carreira de atriz mais de 10 anos depois de representar o Brasil no Miss Universo, concurso em que garantiu o segundo lugar. A primeira novela de Rejane foi Ti Ti Ti (1985) e a última foi Ribeirão do Tempo (2010), na Record. A atriz morreu no Rio de Janeiro, em 26 de dezembro de 2013, aos 59 anos de idade, em decorrência de um acidente vascular cerebral.

Luiz Carlos Tourinho

24 anos depois, relembre os atores de Era Uma Vez que já morreram
Luiz Carlos Tourinho em clique antigo - Fabrício Mota/TV Globo

Em Era Uma Vez..., Luiz Carlos Tourinho foi Banshee, mas o ator acumulou mais de 20 trabalhos na Globo, sendo o último deles a novela Desejo Proibido (2007-2008), que não chegou a concluir. Tourinho morreu aos 43 anos, em 21 de janeiro de 2008, vítima de um aneurisma cerebral que ele já tratava há três anos.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
TAGS:
Mais Notícias