Eventuais

De Patrícia Abravanel a Ana Furtado: Os quebra-galhos da TV brasileira

Apresentadores são chamados para substituir colegas em programas

 De Patrícia Abravanel a Ana Furtado: Os quebra-galhos da TV brasileira
Ana Furtado e Patrícia Abravanel já substituiram colegas - Foto: Montagem

Redação NT

Publicado em 18/09/2020 às 07:21:00,

A indústria da TV não pode parar nem mesmo quando os apresentadores dos programas entram de férias. Por conta disso, os canais optam por alguns comunicadores para servirem como “quebra-galhos” e comandarem produções de maneira eventual. Ana Furtado e Patrícia Abravanel são dois exemplos de curingas dos canais que comandam.

continua depois da publicidade

Além delas, Márcio Gomes, Chris Flores e Patrícia Poeta também estão servindo como substitutos das atrações das suas emissoras. E essas escolhas acontecem por conta do prestígio que eles conquistaram em suas empresas.

Confira:

Chris Flores

Chris Flores chegou ao SBT para comandar o BBQ Brasil: Churrasco na Brasa (2017-2018) e o Fábrica de Casamentos. Mas logo ela ganhou espaço no canal de Silvio Santos e foi colocada para comentar as principais notícias dos artistas no Fofocalizando, período que não durou muito tempo.

continua depois da publicidade

No ano passado, ela retornou ao programa vespertino e se tornou apresentadora principal em março, substituindo Lívia Andrade. A partir daí, o homem do baú fez a comunicadora virar sua carta coringa e a jornalista está à frente do Triturando, Notícias Impressionantes e Bake Off Brasil.

Ana Furtado

A apresentadora é uma espécie de “faz tudo” da Globo. Ela já foi repórter, atriz e até modelo de abertura de novela. Com um currículo tão extenso, comandou o Vídeo Show entre 2009 e 2013 e aceitou o desafio de apresentar o É de Casa, mas recentemente substituiu algumas colegas de emissora.

continua depois da publicidade

Ana, por exemplo, ocupou o cargo de Fátima Bernardes no Encontro. Ela também apresentou o Mais Você nas férias de Ana Maria Braga. Em 2012, Furtado ficou no lugar de Angélica no Estrelas, quando a loira entrou em licença-maternidade para dar a luz para Eva.

Márcio Gomes

Márcio Gomes ganhou destaque ao apresentar o Combate ao Coronavírus e, mesmo com o fim do programa, ele seguiu como figura cativa da programação da Globo. O jornalista ganhou um quadro no Jornal Nacional para informar diariamente os principais índices do coronavírus.

continua depois da publicidade

No início do mês, foi escalado para substituir Renata Lo Prete no Jornal da Globo e também no podcast O Assunto. Agora, com o retorno da jornalista, ele foi levado para apresentar o Jornal Hoje, já que Maju Coutinho entrou em período de folga e só volta no fim de setembro.

Patrícia Poeta

Patrícia Poeta comandou o Fantástico de 2008 a 2011 e depois assumiu o Jornal Nacional, seguindo na atração até 2014. Ela saiu do jornalismo e foi para o entretenimento, virando uma das apresentadoras do É de Casa. Na nova função, também se tornou uma espécie de quebra-galho.

continua depois da publicidade

Em 2017, topou substituir sua colega Ana Maria Braga no programa Mais Você e continua como apresentadora eventual da loira. No ano seguinte, passou a substituir Fátima Bernanrdes no Encontro.

Patrícia Abravanel

Patrícia é filha de Silvio Santos, mas isso não significa que ela teve vida fácil no SBT. Seu primeiro projeto no canal foi no Festival SBT 30 Anos e logo se tornou uma das participantes do Jogo dos Pontinhos. Entretanto, sempre revezando com outros integrantes, como Mara Maravilha.

continua depois da publicidade

Ela comandou eventualmente o Pra Ganhar É Só Rodar em 2016. No ano seguinte, foi convocada para substituir Eliana durante a licença maternidade dela. No mesmo período, recebeu a missão de dividir o Roda a Roda com Silvio Santos.