Reportar erro
Hey, brothers

Big Brother terá versão All Stars nos EUA devido ao coronavírus

Versão All Stars: Big Brother terá temporada com conhecidos

Big Brother e coronavírus
Nova temporada do Big Brother estreia ainda neste verão
Redação NT

Publicado em 06/07/2020 às 09:43:10

O Big Brother está voltando neste verão com um elenco All Stars para a 22ª temporada. Todos os anos, o reality show da CBS vai ao ar nesta parte do ano, mas devido ao novo coronavírus (Covid-19), que tornou os Estados Unidos como o epicentro do mundo da doença com quase 3 milhões de infectados e 880 mil mortes, o programa voltará com participantes já conhecidos.

A informação foi divulgada pelo TMZ na manhã desta segunda-feira (6). O planejamento inicial era que o reality fosse ao ar com participantes novatos, mas o fato de trazer velhos conhecidos tem um motivo: eles já foram testados para a Covid-19 e conhecem a mecânica do programa.

Segundo a publicação, o coronavírus não está fazendo com que a temporada seja cancelada, mas inevitavelmente, está atrasando as coisas. Os participantes devem ir à Los Angeles nos próximos dias para começar os testes e a quarentena antes de entrar.

Todos os brothers serão testados novamente e depois colocados em isolamento social por 14 dias, antes de serem liberados para entrar na casa do Big Brother.

Big Brother no Brasil

Big Brother terá versão All Star nos EUA devido ao coronavírus

Quando o Brasil entrou em quarentena, na segunda quinzena de março, o BBB20 caminhava para sua reta final. Sob apresentação de Tiago Leifert, contava com quase dois meses no ar.

Ainda assim, o reality da Globo ganhou quatro dias, sempre ressaltando as orientações da Organização Mundial da Saúde. Vale lembrar que o programa quebrou o protocolo na noite de 16 de março, quando ao lado de um infectologista, Leifert explicou aos brothers a situação que o mundo atravessava, com a descoberta de um novo vírus.

O programa terminou dia 27 de abril, numa segunda-feira, consagrando Thelma Assis como grande campeã, embolsando R$ 1,5 milhão.

Mais Notícias