Reportar erro
Continua

Thiago Fragoso escapa da lista de cortes e renova contrato com a Globo

Ator continuará no casting da emissora por mais quatro anos

Thiago Fragoso
Thiago Fragoso está em Salve-se Quem Puder - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 02/07/2020 às 10:59:00

Um dos protagonistas de Salve-se Quem Puder, Thiago Fragoso se livrou dos cortes promovidos pela emissora e renovou seu contrato fixo por mais quatro anos. Só nesta semana, três nomes deixaram a casa: Renato Aragão, José Loreto e Débora Nascimento, aumentando a lista de saídas por conta do novo modelo de gestão da empresa no programa Uma Só Globo.

A informação da permanência de Fragoso foi antecipada pela colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo. Procurada pelo NaTelinha, a assessoria de comunicação da Globo confirmou que o ator segue contratado, mas não revelou o tempo de vínculo.

Thiago é um dos atores mais procurados para atuar em novelas da emissora, tanto que esteve em oito folhetins nesta década. Ele iniciou sua carreira na Globo em 1994 com o personagem Léo, na série Confissões de Adolescentes. Sete anos depois, teve papel de destaque em O Clone (2001) ao interpretar o jovem Nando, um usuário de drogas que vai se afastando dos amigos e familiares pouco a pouco.

Seu primeiro trabalho como protagonista ocorreu em O Profeta (2006). No remake feito por Duca Rachid e Thelma Guedes, ele interpretou um homem com poderes paranormais, mas que perdia seu dom após ganhar muito dinheiro. Na época, a trama foi um grande sucesso.

Em 2013, deu vida a Niko e foi responsável por protagonizar, ao lado de Mateus Solano, o primeiro beijo gay da televisão brasileira. Dois anos depois, foi protagonista de Babilônia e formou par romântico com Camila Pitanga. Atualmente, ele é Alan em Salve-se Quem Puder.

Cortes na Globo

A renovação de Thiago vai na contramão do que vem ocorrendo nos últimos meses na Globo. Só nesta semana, Renato Aragão e José Loreto foram dispensados pela emissora e mais cortes devem ocorrer nos próximos dias.

Vera Fischer, Miguel Falabella, Stênio Garcia, Aguinaldo Silva, Zeca Camargo, Malvino Salvador, José de Abreu, Regina Duarte, Bruno Gagliasso e Bruna Marquezine são alguns exemplos de profissionais que deixaram o canal neste processo de reformulação.

Mais Notícias