Cidade Alerta

Caso Bel: Bacci detona mãe e diz que polícia está na casa de youtuber

Público acusa Francinete Peres de constranger filha na internet

Caso Bel: Bacci detona mãe e diz que polícia está na casa de youtuber
Luiz Bacci critica a youtuber Fran durante o Cidade Alerta

Publicado em 19/05/2020 às 19:10:00 ,
atualizado em 20/05/2020 às 21:52:57

Por: Paulo Pacheco

O caso envolvendo a youtuber Francinete Peres Magdalena, a Fran, e sua filha, Bel, chegou ao Cidade Alerta. Nesta terça-feira (19), Luiz Bacci assistiu aos vídeos em que a mãe expõe a garota de 13 anos em situações constrangedoras e tentou telefonar para a família ao vivo.

Em um dos vídeos, Fran obriga a filha a ingerir um produto que causa desconforto na garota e a faz vomitar. Bacci se revoltou com a atitude e detonou Francinete por constranger a adolescente.

"Vocês viram isso? Me diga você que é pai, você que é mãe. Você dá uma coisa nojenta para o seu filho comer até ele vomitar e ri desse vômito? Eu vou ligar já já para essa mãe e para esse pai. Não vem falar que ‘são assuntos da minha família, não interessa a vocês’. Você que escolheu se expor na internet! Agora aguenta o rojão!", desabafou.

O apresentador informou que o MPF (Ministério Público Federal) denunciou Fran por exploração de publicidade e que a polícia estaria em frente à residência da família.

"Não adianta, Fran, fingir que o assunto não é com você, porque as pessoas vão te perturbar na internet até vocês se manifestarem ou até a polícia se manifestar. As pessoas querem uma explicação, acho que se para você está tudo bem…”, disse Bacci enquanto tentava telefonar para a youtuber.

Durante o programa, o apresentador ainda comparou o silêncio da mãe de Bel ao caso envolvendo o cantor Biel, acusado de assediar uma repórter em 2016.

"Fran, essas pessoas mandam mensagens dando risada do que você faz com sua filha, curtindo os seus vídeos, que dão dinheiro para você, patrocinadores, todas essas pessoas vão correr se você não for transparente”, afirmou.

Luiz Bacci e Bel apareceram nos assuntos mais comentados do Twitter.

Confira a repercussão:

TAGS:

publicidade




LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!