Reportar erro
Memórias da Telinha

Na Casa dos Artistas, Silvio Santos dava informações e anunciou Brasil na Copa do Mundo

Seleção brasileira treinada por Felipão estava desacreditada, mas Silvio Santos confortou os artistas

Silvio Santos sorri na Casa dos Artistas
Silvio Santos com seu largo sorriso em 2001 apresentando a Casa dos Artistas - Divulgação/SBT
Thiago Forato

Publicado em 02/05/2020 às 09:40:00

O BBB20 terminou na última segunda-feira (27) e pode ter chocado a muitos com algumas informações externas que invadiram o reality show da Globo. Para quem não se recorda, Silvio Santos interferia muito mais na Casa dos Artistas em 2001, no SBT, com algumas situações que seriam impraticáveis hoje em dia.

Com um elenco inesquecível de 12 artistas onde Bárbara Paz levou R$ 300 mil, a Casa dos Artistas estreou em 28 de outubro de 2001 e bateu o Fantástico por sete domingos consecutivos, chegando a 55 pontos de pico no último episódio, numa maratona por volta de quatro horas.

O NaTelinha relembra cinco vezes que Silvio Santos pode ter passado um pouco do ponto e revelado informações demais aos moradores.

Confira:

Telefonemas expostos

Na primeira votação para eliminar um dos artistas, eles ouviram todos os telespectadores que tiraram Alessandra Scatena da casa.

A acusação que Alexandre Frota era manipulador partiu daí, causando grande alvoroço, o que certamente determinou para a desistência dele.

A chuva de informações externas expondo a todos caiu como uma bomba, e no domingo seguinte, Silvio Santos mudou o esquema e determinou que eles não ouvissem mais os votos e telefonemas do público.

O sucesso do programa

Quando Alexandre Frota saiu poucos dias depois do próprio Silvio Santos ter revelado ao vivo que ele tinha um plano para eliminar as mulheres, o bad boy resolveu pegar suas coisas e pedir o boné.

Com a interferência de Silvio, Frota se viu enfraquecido, já que era o único participante que encarava aquilo como um grande jogo.

Apesar de ter saído, rapidamente voltou munido de informações externas e avisou a todos que o programa estava sendo um grande sucesso de audiência.

A visita de Silvio Santos

Na terceira semana, o dono do SBT visitou a casa - que era vizinha da sua no bairro do Morumbi, em São Paulo -, para parabenizar os artistas pela performance e reforçar o sucesso que a Casa dos Artistas estava sendo.

Certamente, Silvio deve ter dado muitas informações que acontecia no mundo exterior. Inclusive, sua visita foi capa da revista Veja em novembro de 2001, com nove artistas restantes.

Favorito do público

Quase semanalmente, Silvio lia os jornais para os artistas e fazia daquilo um show. Além disso, listava os favoritos do público para vencer o programa em enquetes da internet e também entre os periódicos.

Os próprios artistas viam naquilo um termômetro de quem estava ou não agradando e já sabiam como eram vistos aqui fora... Afinal, Silvio sempre dizia.

Brasil na Copa

Pode acreditar, mas na edição da Casa dos Artistas de 18 de novembro de 2001, Mateus Carrieri perguntou a Silvio Santos se o Brasil havia se classificado para a Copa do Mundo de 2002.

A seleção treinada pelo então técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, estava desacreditando e correndo riscos de não ir. Carrieri mencionou que não ouviu fogos ou nada parecido, e por isso indagou o apresentador.

Prontamente, Silvio Santos informou que o jogo do Brasil não aconteceu naquele domingo que o participante se referia, por isso não ouviu fogos. A seleção entrou em campo quatro dias antes, em 14 de novembro.

"O Brasil se classificou para a Copa, vencemos por três a zero a Venezuela", anunciou Silvio sem cerimônia, para delírio dos participantes.

Mais Notícias