Memórias da Telinha

Há 20 anos, Globo acabava com programa de Angélica por perder para Eliana

Globo resolvia dar nova chance à Angélica depois de sucessivas derrotas

Há 20 anos, Globo acabava com programa de Angélica por perder para Eliana
Angélica no comando do Angel Mix - Divulgação/TV Globo

Publicado em 29/02/2020 às 09:16:06

Por: Thiago Forato

Uma das loiras mais famosas que apresentavam programas infantis na década de 1990 na TV, Angélica perdia seu Angel Mix na Globo em 2000. O motivo? Falta de audiência e derrotas para Eliana na Record e Jackeline Petkovic no SBT.

Depois de passar por várias fases e reformulações, Angélica vinha no comando do programa desde 1996 e há 20 anos, enfrentava um grave problema de audiência. Naquela época, Eliana surfava na popularidade do desenho japonês Pokémon, um dos seus trunfos. O SBT, sempre tradicional no segmento, também brigava pelo primeiro lugar com seus desenhos da Disney e Warner.

A reestruturação de Angel Mix foi arquitetada por Roberto Thalma e feita às pressas. Criado inicialmente para durar de março a julho, o Angel Mix contava com auditório, game-show e até dramaturgia.

Fim das apresentadoras infantis

No novo milênio que se iniciava, a tendência de apresentadoras infantis na TV estava caminhando a passos largos para o fim.

O que dominava a programação infantil, que ainda dava um grande retorno de audiência e comercial, eram os desenhos animados. Enquanto a Record explodia com Pokémon, a Globo viria a estourar mais tarde com Digimon e Dragon Ball, por exemplo.

A figura da apresentadora infantil começava a entrar em extinção. Enquanto as tradicionais envelheciam, não se formavam novas. O tempo provou que não houve outras, de fato.

Transição do Angel Mix

Antes de encerrar o programa em 30 de junho de 2000, essa última reformulação do Angel Mix uma sobrevida. Provisória, já que o infantil "pra valer" estrearia no segundo semestre.

Ao jornal O Globo em março daquele ano, declarou que contracenar com personagens e bonecos é ainda mais difícil. "Vou ter que ser muito mais atriz agora", disse.

A partir do ano 2000, Angélica ainda respirou com Bambuluá, mas depois disso, ficou um grande período com o Video Game (2001-11) e o Estrelas (2006-18), que por muitos anos era restrito a poucas praças.

Há dois anos, a loira está na geladeira da Globo. A promessa é que volte ainda em 2020.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!