Polêmicas

De piada a machismo: As cinco maiores gafes de Rodrigo Bocardi na Globo

Jornalista já passou por muitas situações inusitadas na emissora

De piada a machismo: As cinco maiores gafes de Rodrigo Bocardi na Globo
Rodrigo Bocardi apresenta o Bom Dia SP - Foto: Reprodução/Globo

Publicado em 11/02/2020 às 05:00:00

Por: Naian Lucas

Na última semana, Rodrigo Bocardi se envolveu em nova polêmica ao ser acusado de racismo por parte dos telespectadores nas redes sociais. O apresentador do Bom Dia São Paulo questionou se um atleta negro de um clube tradicional de SP era gandula de tênis e a pergunta revoltou internautas. Mas esta não era a primeira polêmica do jornalista da Globo que, vira e mexe ganha espaço na mídia por conta de suas declarações.

Desde que assumiu o comando do jornalístico, em 2013, o apresentador vem colecionando uma série de momentos em que ele virou o centro das atenções graças ao seu estilo sincerão e com frases que nem sempre pegam bem. Por conta disso, o NaTelinha preparou uma lista relembrando cinco momentos polêmicos de Rodrigo Bocardi.

Critica entrevistada

Em 2019, Rodrigo Bocardi criticou uma entrevistada do programa, após uma reportagem em que o jornal mostrava que cancelas estavam ganhando cada vez mais espaço nos bairros de São Paulo. Uma mulher aceitou falar para a matéria e defendeu o recurso, com direito até a guardas para evitar a presença de estranhos nas entradas dos bairros.

“Aqui moram pessoas de categoria, que pagam impostos, trabalhadores, que tem suas crianças que andam de bicicleta, os seus velhos que passeiam na rua com os seus cuidadores”,disse ela. “Uau! Se já estava causando polêmica, depois de ouvir esta fala então… Pessoas de categoria, quero conhecer esse lugar! Um local onde há pessoas de categoria”, criticou o apresentador.

Responde nas redes sociais

Em 2017, o jornalista causou ao responder uma série de críticas que vinha recebendo nas redes sociais. Bocardi mencionou seus críticos que comentavam a presença dele no Bom Dia São Paulo e fez questão de ironizar cada uma das críticas como a de um seguidor que o acusou de falar muito. “Por você eu faço o jornal mudo, pode ser?”, brincou ele.

Outra pessoa chamou o jornalista de insuportável e o mandou voltar para Nova Iorque. Sem se preocupar com a repercussão, ele respondeu. “Agora. Paga meu ticket, Isabel? Primeira classe, ta?” Ainda outro o chamou de xarope e, com bom humor, Bocardi respondeu. “Xarope apresentador. O melhor para você falar o que quiser sem tossir”.

Rodrigo Bocardi chamado de linguarudo

O clima esquentou no ano passado entre o titular do Bom Dia São Paulo e Gloria Vanique, que o substitui na apresentação sempre que ele não está presente. Substituindo férias de Chico Pinheiro no Bom Dia Brasil, Bocardi conversou com a colega no ano passado e acabou sendo chamado de linguarudo.

Tudo porque ele antecipou uma pauta ao falar que a reportagem mostraria a falta de bancos em São Paulo. Indignada porque ele estragou a surpresa, Gloria Vanique não poupou comentários. “Não era para falar, Bocardi. Linguarudo”.

Rodrigo Bocardi: piada

Também em 2019, Rodrigo Bocardi perdeu a paciência com um telespectador de São Bernardo do Campo, durante uma reportagem em que o Bom Dia São Paulo dava dicas sobre como guardar o lixo e uma delas era guardar em casa para o momento certo do descarte. O homem achou a sugestão sem sentido e classificou como piada.

Sem paciência, Rodrigo Bocar respondeu assim que as câmeras voltaram para os estúdios.  “Você dizer que guardar em casa é piada. Me desculpa, mas piada é você que não está respeitando o resto da população. Essa é a verdade”, finalizou ele.

Rodrigo Bocardi chamado de machista

Dividindo a apresentação com Gloria Vanique, Bocardi protagonizou outro momento polêmico no ano passado. Enquanto o jornal exibia uma curiosa imagem de uma capivara invadindo lojas e provocando o pânico da população, a apresentadora brincou ao dizer que o animal estava sem roupa e, portanto, procurava algo para usar.

Rapidamente ele resolveu brincar “animal do sexo feminino entrou na loja, roupas e tal, e já começou lá a apreciar”. Mas Vanique não gostou da piada e emendou. “Eu não sei se era do sexo feminino. Aí já é da sua parte. Olha só que comentário mais machista”, encerrou ela deixando um climão no ar.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!