Reportar erro
Busca e apreensão

Polícia realiza operação para prender acusado de ataque contra Porta dos Fundos

Uma pessoa já foi identificada e polícia recolheu uma série de objetos em local da busca

Imagem de divulgação do Especial de Natal do Porta dos Fundos
Polícia já identificou um dos criminosos do ataque contra Porta dos Fundos. Foto: Divulgação
Redação NT

Publicado em 31/12/2019 às 10:25:50

A Polícia Civil do Rio de Janeiro está procurando uma pessoa apontada como uma das participantes do ataque contra a sede do Porta dos Fundos, ocorrida no último dia 24.  A operação realizada na manhã desta terça-feira (31) chegou a um local onde foram recolhidos dinheiro, simulacro de arma, munição, camisa de entidade filosófico-política, além de computadores.

A polícia ainda não divulgou a identidade da pessoa e informou apenas que há um mandado de prisão contra um dos participantes do ataque, o único que estava com o rosto descoberto e que, portanto, já houve a identificação. O caso tem sido acompanhado pela 10ª DP.

Como o único identificado não foi encontrado no local, as autoridades policiais continuam a procura do meliante que, a partir desta prisão, as investigações deverão ganhar novos rumos para a tentativa de identificar as outras pessoas que jogaram bombas de coquetel molotov contra a sede do grupo de humor.

Vale lembrar que, para a polícia, o ataque não vem sendo tratado como terrorismo, mas como tentativa de homicídio, já que haviam seguranças contratados dentro do local no momento em que as bombas foram lançadas contra o prédio.

Porta dos Fundos na Netflix

A linha de investigação da polícia é de que as bombas foram lançadas como represália ao Especial de Natal do Porta dos Fundos para o gigante de streaming.  O filme apresentou Jesus como gay e foi duramente criticado por religiosos brasileiros que chegaram a pedir na Justiça que o especial fosse retirado do ar, mas acabou não obtendo êxito porque o juiz que julgou o caso considerou a solicitação como censura.

Vale lembrar que o grupo de humor venceu o Emmy Internacional por conta da primeira temporada do Especial, o que acabou gerando uma renovação para o segundo ano que teve toda a polêmica. A Netflix e o Porta dos Fundos já confirmaram que em 2020 haverá novo especial.

Mais Notícias