Representatividade

Com casal gay, vinheta de fim de ano do SBT evoca a diversidade

Campanha "2020 vem aí", embalada por jingle de Silvio Santos, recebeu elogios na web

Com casal gay, vinheta de fim de ano do SBT evoca a diversidade
Representatividade marca campanha "2020 vem aí", do SBT (Foto: SBT/Reprodução)

Publicado em 01/12/2019 às 14:20:00 ,
atualizado em 01/12/2019 às 14:37:00

Por: Redação NT

O SBT surpreendeu com uma bela vinheta de fim de ano, em que aposta na representatividade de grupos nem sempre contemplados nesse tipo de campanha. A mensagem "2020 vem aí", veiculada pela emissora de Silvio Santos, traz casal gay, negros, idosos, gordos e pessoas portadoras de deficiência.

A campanha é embalada por uma bela canção, adaptada de um antigo jingle de Silvio Santos, usado em seu programa de auditório: "Agora é hora de alegria/ Vamos sorrir e cantar/ Do mundo não se leva nada/ Vamos sorrir e cantar/ 2020 vem aí/ 2020 vem aí/ 2020 vem aí/ 2020 vem aí..."

Embalado por esses versos, o vídeo de fim de ano da emissora traz uma mensagem de respeito e aceitação da diversidade. Exibe cenas como o reencontro entre familiares; um pai que aprende balé com sua filha; outro que toca piano com o filho, portador de Síndrome de Down; o abraço entre um senhor branco, de idade avançada, e uma menina negra; e uma jovem gorda que sorri em frente ao espelho.

Outro momento que chamou atenção dos internautas foi um carinho entre dois homens em uma reunião de família, indicando um casal homoafetivo.

O vídeo termina com uma mensagem de valorização do presente. "Se tem algo que você quer muito fazer, agora é a hora", finaliza a campanha.

Confira o vídeo e algumas reações compartilhadas na web:



Melhores do Ano NaTelinha 2019: Vote e eleja os destaques do ano na televisão!


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!