Exclusivo

Há 10 anos no "Esquadrão da Moda", Isabella Fiorentino se diz pronta para assumir um novo programa

Para Isabella Fiorentino, com seus trigêmeos completando 8 anos ela poderia alçar novos voos profissionais

Há 10 anos no
Reprodução/Instagram

Sandro Nascimento
i

Sandro Nascimento

O jornalista Sandro Nascimento assina colunas e reportagens exclusivas no NaTelinha. Também é correspondente da agência de notícias ZOOMINTV. Twitter: @SandroNascimm / E-mail: sandro@natelinha.com.br

Publicado em 13/04/2019 às 07:59:28

Há dez anos à frente do reality "Esquadrão da Moda" no SBT, ao lado de Arlindo Grund, Isabella Fiorentino afirma estar pronta para alçar novos voos. Dentre eles, assumir um programa feminino, agora que seus filhos já cresceram.

Para a modelo e apresentadora, a experiência acumulada de ser mãe de trigêmeos,  Bernardo, Lorenzo e Nicholas, de 8 anos, a fez amadurecer e se preparar para essa nova fase na televisão.

"Eu sou uma pessoa que amadureci demais como mulher. Então acho que tenho muita coisa para passar num programa feminino, por exemplo. Como mãe, como inclusão, porque eu vivo a inclusão na minha casa todos dias. Então, tem muita coisa pra passar que não é só moda", conta apresentadora, em entrevista exclusiva ao NaTelinha.

Isabella Fiorentino teve um parto prematuro de 27 semanas e isso trouxe consequências para seu filho Nicholas, que possui necessidade especiais. "Eles me demandam muito tempo e eu sou a mãe que sempre sonhei em ser", diz.

E continua: "Aquela mãe presente. Eu levo para escola todo dia, eu busco três a quatro vezes por semana e acompanho a fisioterapia do meu filho (Nicholas). Eu acompanho tudo. São três agendas, são duas escolas diferentes, não é brincadeira meu dia".

Mas agora que os trigêmeos estão completando 8 anos, na opinião da apresentadora do "Esquadrão da Moda", ela teria disponibilidade de assumir um programa feminino.

"Agora meus filhos vão fazer 8 anos eu acho que tá no momento que eu posso, talvez, me ausentar um pouco mais da vida deles e alçar novos voos. Mas eu tinha esse empecilho, não sei se posso dizer assim, que era meu empenho como mãe. E agora eu tenho vontade", explica Isabela, que morava em Miami antes de aceitar o convite para comandar o "Esquadrão da Moda".

Segundo ela, o assunto mulher está muito em voga atualmente e que tem a intenção de dar dicas de como conciliar o trabalho, a carreira com o marido, de como cuidar da beleza, da roupa e até dar falar de culinária.

"Eu cozinho com meus filhos e a gente se junta e faço várias receitas. Já postei mil vezes no meu stories. As pessoas amam esse meu lado humano. Às vezes a gente posta só coisa de trabalho para não expor a vida pessoal, mas esse lado humano as pessoas gostam muito. E eu tenho mostrado um pouco mais", explica a apresentadora do SBT.

Encerrando o assunto, Isabella Fiorentino brinca com a reportagem: "quem sabe eu faço uma reunião com o [Fernando] Pelégio (diretor de planejamento artístico do SBT) e vamos pensar em alguma coisa. Seria bem legal".

Convite para o Esquadrão da Moda

A consultora de moda relembra que inicialmente, nas primeiras temporadas do "Esquadrão da Moda", ela gravava em São Paulo mas morava em Miami. Com o sucesso do programa, decidiu mudar-se definitivamente para o Brasil.

"Quando eu fui convidada para fazer o programa eu morava em Miami, estava com minha base toda lá e recém-casada. Mas chegou uma hora que eu falei assim: ‘tenho certeza que esse programa tem muito caldo pra dar’. Aí mudei para São Paulo e estou até hoje”, revela Isabella Fiorentino.

O segredo para os 10 anos do programa

Ao ser questionada sobre o sucesso do "Esquadrão da Moda", a apresentadora analisa: "Eu acho que o segredo desse programa, não é só a moda em si, a moda é um assunto que hoje em dias as pessoas estão muito interessadas - principalmente com o advento das redes sociais e tal -, mas a transformação que a gente promove para essas mulheres  que o ponto crucial deste programa".

E completa: "Eu acho que a gente vai ter que dar duro (ficar mais tempo no ar). Porque não é fácil a gente falar as mesmas coisas de forma diferentes.  Uma coisa que eu acho legal que o perfil de cada participante que faz o ‘Esquadrão da Moda’. O programa já anda por si só. Eu acho que eu e o Arlindo falamos, as pessoas que estão em casa já ouviram a gente falar disso.  Mas legal é alma que a participante trás".

Stefhany Absoluta 

Dentre os programas mais polêmicos nos 10 anos do "Esquadrão da Moda", Isabella Fiorentino cita a participação da cantora Stefhany Absoluta.

"Foi muito polêmica. Ela tava muito relutante. A Stefhany tava muito segura quanto ao próprio estilo dela. Ela faz sucesso com aquilo. É o que eu falo, não existe o certo ou errado na moda. A Stefhany  caiu na nossa mão  e a gente tinha que colocar o nosso DNA nela. Claro, respeitando o estilo dela. Foi dificil pra gente, mas também pra ela. Eu entendo o lado dela. Por isso a gente não pega artista. É muito dificil", pontua.

Dicas de moda

Além disso, para Isabella, um dos fatores para o sucesso do reality de moda no SBT é que a personalidade dela e de Arlindo Grund não fica acima da personalidade das participantes.

"O que a gente faz é pegar a essência da participante e colocar a nossa elegância inserida no estilo dela. Senão seria um programa de uniforme. Todo mundo da mesma forma. Mas a nossa marquinha tá lá. Quando você vê o clipe final da participante tem o meu dedo e do Arlindo", conclui a apresentadora.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!