Reportar erro
Presidenciável

Com entrevista de Jair Bolsonaro, "Jornal da Record" bate recorde de audiência

Entrevista rendeu polêmica entre público e demais candidatos

Eduardo Ribeiro e Jair Bolsonaro
Reprodução
Fabrício Falcheti

Publicado em 05/10/2018 às 12:05:26

O "Jornal da Record" bateu recorde de audiência em 2018 com a entrevista exclusiva que fez com o candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL).

Em sua média geral, das 21h52 às 23h05, o telejornal apresentado por Adriana Araújo e Celso Freitas registrou 11,1 pontos de média, pico de 14 e share de 16%, garantindo o segundo lugar que não acontecia há um bom tempo. No mesmo horário, o SBT ficou com 10,8.

Apenas durante a entrevista, das 22h05 às 22h32, a audiência foi de 13,6 pontos, pico de 14 e share de 19%, também na vice colocação, contra 11,9 do concorrente.

A reportagem feita por Eduardo Ribeiro foi ao ar na mesma faixa do debate que acontecia na Globo sem a presença de Bolsonaro, que alegou não ter sido liberado pelos seus médicos.

A ação da Record TV foi polêmica e acontece depois de Edir Macedo, dono da emissora, declarar apoio ao candidato.

Na entrevista, Bolsonaro restringiu seus ataques ao PT e chamou Fernando Haddad de "fantoche". Os dois lideram as pesquisas de intenções de voto, com o candidato do PSL bem à frente.

Enquanto isso, seus adversários o atacaram no último debate deste primeiro turno, o chamando de "amarelão" por supostamente ter fugido do embate.

Esses dados são consolidados e referem-se a um grupo de telespectadores na Grande SP.

Mais Notícias